Avó de 54 anos dá à luz ao próprio neto: "foi tão rápido"

Filha nasceu sem útero e não podia engravidar. Após três tentativas frustradas, a gestação deu certo e o neto Winston nasceu saudável

A avó horas depois do parto e o neto desejado no hospital da Tasmânia.
Legenda: A avó horas depois do parto e o neto desejado no hospital da Tasmânia.
Foto: Imagem pessoal

Uma mulher de 54 anos deu à luz ao próprio neto. A saga de Maree Arnold impressionou familiares e amigos mais próximos e chocou muitos australianos, na Tasmânia, uma ilha ao sul do país. Tudo para realizar o desejo da filha Meagan White, de 28 anos, que nasceu sem útero e não conseguia, por motivos óbvios, engravidar.

Meagan nasceu com síndrome de MRKH, uma doença rara que afeta uma em cada 5.000 mulheres.

Maree Arnold (à esquerda), já grávida e carregando o filho da própria filha Meagen e do genro Clayde.
Legenda: Maree Arnold (à esquerda), já grávida e carregando o filho da própria filha Meagen e do genro Clayde.
Foto: Arquivo pessoal

O filho Winston nasceu em duas horas. Cesariana tranquila. "Chegamos ao hospital às 7h e já às 9h ele nasceu. Foi tão rápido e organizado”, explicou a avó, que é mãe de cinco filhos, em entrevista ao canal 7 News.

"É difícil descrever o que senti quando ele nasceu. Foi sem dúvidas o momento que caiu a ficha de que era real"
disse Maree, mãe de Megan e agora avó

A avó serviu como barriga de aluguel e as fotos da gravidez repercutiram na Austrália. Foi "uma decisão fácil de tomar" depois de ver a filha e o genro sofrerem com a dor de não conseguirem começar uma família própria.

Depois de três tentativas fracassadas de fertilização in vitro, a gravidez foi confirmada e bastante comemorada. Especialistas na Austrália indicam que a barriga de aluguel seja recomendada para portadoras gestacionais que tenham menos de 40 anos de idade.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo

Assuntos Relacionados