Mulher é atraída para matagal e morta a tiros na Grande Fortaleza

Homem que levou vítima ao local do crime foi preso pela polícia ao procurar atendimento médico em uma Upa, depois de levar um tiro de raspão

Uma mulher foi morta a tiros na rua Duarte Teodósio, entre os bairros Parque Jari e Siqueira II, na divisa entre Fortaleza e Maracanaú, após ser atraída para um matagal, na noite desta segunda-feira (21). Um dos suspeitos de participação no crime foi preso pela polícia ao procurar atendimento médico.

Conforme a Polícia Militar, a jovem, que não teve a identidade revelada, foi levada ao local por um homem. Porém, quando chegaram ao destino, havia um segundo homem aguardando pelo casal. Esse segundo homem, segundo a polícia, é suspeito de atirar contra a vítima e fugir após o crime.

Já o homem que atraiu a vítima, foi ferido por um tiro de raspão durante a ação e procurou atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (Upa) do bairro Canindezinho. Policiais que estavam na unidade de saúde indagaram o suspeito sobre o ferimento e o homem confessou participação na morte da mulher. Ele foi preso e conduzido para a delegacia.

Ainda de acordo com a PM, não há informações sobre a motivação do crime. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) vai investigar o caso.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança