Corpo de jovem cearense achado morto no Rio Tietê em São Paulo é sepultado em Salitre

Um tio do jovem afirmou que o laudo cadavérico divulgado nesta quinta-feira (3) apontou a morte por afogamento

Legenda: Tailon Marques morava em Salitre e viajou em agosto deste ano para São Paulo para procurar emprego
Foto: Arquivo Pessoal

O corpo do jovem cearense Tailo Marques, de 22 anos, encontrado morto no Rio Tietê, em São Paulo, foi sepultado na manhã desta sexta-feira (4), em Salitre, a 520 km de Fortaleza. Amigos e familiares homenagearam o rapaz usando roupas e exibindo brancos nas ruas da cidade. O sepultamento ocorreu no fim da manhã no cemitério municipal.

Marques morava em Salitre e de acordo com familiares viajou em agosto deste ano para São Paulo para procurar emprego. Ainda de acordo com familiares, Tailo desapareceu na última sexta-feira (27), após sair da residência de um amigo em São Paulo.

A família afirmou ainda que na última segunda-feira (30), o corpo do jovem foi encontrado às margens do Rio Tietê, a 50 km da capital. Um tio do jovem afirmou que o laudo cadavérico divulgado nesta quinta-feira (3) apontou a morte por afogamento.

Sistema Verdes Mares entrou em contato com a Secretaria da Segurança Pública de São Paulo (SSP) sobre as causas da morte de Tailo Marques, mas até a publicação da matéria não obtivemos resposta. 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança