Juazeiro se aproxima da marca de seis mil infectados pela Covid-19 com baixa taxa de recuperados

Já são 5.983 casos confirmados do novo coronavírus. Deste total, apenas 41,9% se recuperaram. A média do Estado é de 80,5%, quase o dobro do índice de Juazeiro do Norte

A cidade mais populosa do interior cearense está vivendo o pico de infecção pelo novo coronavírus. Em Juazeiro do Norte, cuja população ultrapassa a marca dos 255 mil habitantes, a curva da doença segue crescente há, pelo menos, 10 dias, com maior intensificação na última semana.  

 

Na última segunda-feira, o município caririense atingiu a marca dos quatro mil contaminados pelo vírus SARS-CoV-2. Quatro dias depois, esse número cresceu 25% e superou a patamar dos cinco mil casos. 

Em apenas 48 horas, mais mil casos confirmados da doença, o que representa acréscimo de 20%. Além disso, já são 153 vidas perdidas por decorrência da Covid-19. Os dados são da Secretaria da Saúde de Juazeiro do Norte. 

Na última sexta, dia 10, o Sistema Verdes Mares fez uma projeção futura analisando as curvas de casos de Juazeiro e de Sobral, cidade da região Norte com segundo maior número de infectados do Estado (8.361), ficando atrás apenas de Fortaleza (38.105). 

Caso o platô, em ambas, seja mantido, Juazeiro deve alcançar, em quatro semanas, o indigesto posto de cidade com o segundo maior casos do Ceará.

  

Apesar dos altos números, a diretora de Vigilância em Saúde de Juazeiro do Norte, Evanusia de Lima, acredita que o pico na cidade pode permanecer no decorrer da próxima semana.

“Depende muito do comportamento da população. O isolamento não tem sido cumprido 100%, o que prejudica muito a situação. Nestas duas semanas percebemos que estamos em ascendência”, explica.

A notícia positiva deste cenário que se apresenta preocupante, refere-se a taxa de ocupação das unidades de saúde de Juazeiro do Norte.

O Hospital Regional do Cariri (HRC) está com ocupação abaixo dos 80% e, na semana passada, o Município inaugurou um hospital de campanha com 80 leitos exclusivos para Covid-19. A previsão é expandir essas vagas para 120. 

Baixo índice 

Se por um lado os casos crescem em progressiva escalada, por outro, o índice de recuperados não consegue alcançar a mesma velocidade. Dos 5.983 casos confirmados, 2.512 venceram o vírus, o que significa 41,9% do total. O número é baixo se comparado as médias de Sobral, Fortaleza e, até mesmo, as médias gerais do Estado. 

Em Sobral, já são 6.767 recuperados, o que confere taxa de 80,9%, índice semelhante ao do Estado, com 136.759 cearenses recuperados (80,54%), e próximo do índice de Fortaleza. A Capital cearense já tem 75,3% de recuperados (28.707 dos 38.105 infectados). 

 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará