Covid: Principais cidades do Interior vacinarão idosos em casa a partir de cadastros já existentes

Idosos acima de 75 anos em Juazeiro do Norte, Quixadá, Iguatu e Sobral não precisarão se cadastrar ou fazer qualquer tipo de agendamento para receberem o imunizante. As Secretarias da Saúde vão utilizar o banco de dados do E-Sus e dos agentes comunitários

Legenda: Em Sobral, a imunização já começa na tarde desta terça-feira (26). Idosos acamados serão os primeiros a serem vacinados
Foto: Oli Scarff/AFP

Os dois novos lotes das vacinas AstraZeneca CoronaVac que chegaram ao Ceará neste sábado (23) e ontem (25), já foram distribuídos nas 22 Áreas Descentralizadas de Saúde (ADS) do Ceará, que contemplam o interior e Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). De acordo com a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), das 104.700 doses, 34% ficaram na Capital e as 66% restantes foram direcionadas às outras cidades do Estado.  

A Sesa explica que a definição do público-prioritário ficará a cargo das respectivas secretarias de saúde dos municípios, bem como será de incumbência de cada cidade definir a forma de cadastro dos idosos a serem vacinados e como se dará essa imunização.  

Apesar da liberdade na execução do processo de vacinação, a presidente do Conselho das Secretárias Municipais de Saúde do Ceará (Cosems-CE) Sayonara Moura Cidade, destaca que o órgão já se reuniu com os gestores orientando que seja seguido as recomendações preconizadas pelo Ministério da Saúde e Secretária da Saúde do Estado, as quais, versão sobre priorizar profissionais da saúde e idosos com mais de 75 anos. 

Interior  

Nas quatro principais cidades do Interior cearense, ainda não há uma definição homogênea de quando as secretarias locais vão iniciar a vacinação, embora o processo siga uma diretriz: imunização nas casas dos idosos. 

Em Juazeiro do Norte, maior município do Cariri cearense, a Secretaria da Saúde local recebeu 1.730 doses da AstraZeneca que será destinada exclusivamente para vacinação dos idosos. A imunização deve começar ainda nesta semana. Até agora, o Município já imunizou 921 profissionais da saúde com a primeira remessa da vacina CoronaVac.

A titular da pasta, Francimones Albuquerque, explica que nenhum idoso precisa se dirigir as unidades de saúde ou efetuarem qualquer agendamento por meio eletrônico. 

“Vamos seguir nosso banco de dados do E-Sus, que consta a identificação dos idosos. Todos eles serão vacinados em suas residências. A medida que mais doses forem chegando, vamos ampliar as estratégias de vacinação, como a utilização de um drive thru”, pontuou Francimones.  

Diante do reduzido número de vacinas enviadas ao Município neste primeiro momento, serão priorizados “os idosos mais velhos e aqueles que têm mais comorbidades”, acrescentou a secretária. 

 

Em Iguatu, na região Centro-Sul, a imunização está prevista para ter início nesta quinta-feira, dia 28, conforme informou o assessor técnico da Secretaria da Saúde do Município, Rafael Rufino. O processo será semelhante ao de Juazeiro do Norte. A cidade recebeu 850 doses, também exclusivas aos idosos acima de 75 anos.

“A vacinação das pessoas idosas será feita em domicílio, pois temos o cadastro dos moradores atualizados com nome e endereço pelos agentes comunitários de Saúde”.

Para esta etapa, serão utilizados 32 veículos que atenderão as zonas urbana e rural. Até ontem (25), 318 profissionais de saúde da linha de frente já haviam sido vacinados. A estimativa da pasta é de imunizar, ao todo, 1.920 profissionais e 4.107 idosos.  

Já a Secretaria da Saúde de Quixadá, principal cidade do Sertão Central, informou que ainda não “definiu o esquema vacinal” por não ter conhecimento exato de quantas novas doses foram enviadas ao Município. A pasta não informou quantos idosos serão contemplados com o lote da AstraZeneca, nem quando iniciará a imunização. De acordo com a assessoria do Município, as doses já chegaram, mas ainda não foi feita a contabilização. 

“Equipes da Secretaria de Saúde do Município estão levantando o quantitativo de idosos acima de 75 anos para que se possa saber quantos podem ser vacinados, a partir do novo quantitativo de doses que Quixadá irá receber. Inicialmente, serão elaborados cronogramas de vacinação em domicílio para evitar o deslocamento e exposição desse público-alvo”, detalhou a Pasta. Até o último domingo (24), Quixadá já havia vacinado 215 profissionais da saúde. 

 

Em Sobral, no Norte do Estado, a Secretaria da Saúde informou que vacinação dos idosos começa ainda na tarde desta terça-feira (26). O Município recebeu 1.030 doses da AstraZeneca, exclusivas aos idosos, e recebeu outras 1.156 doses da vacina CoronaVac. Estas serão utilizadas para dar continuidade a imunização dos profissionais da saúde.  

De acordo com a Pasta, “todos os idosos serão vacinados em casa, conforme o cadastrado que já temos disponíveis nos 37 Centros da  Saúde, portanto não será preciso agendado em site ou aplicativo”. Os primeiros a receberem a vacina são idosos acamados, "cerca de 300". 

Depois, o Município passa a imunizar idosos de 90 a 94 anos, posteriormente de 85 a 90 anos, em seguida os de 80 a 85 anos, e assim por diante. "A vacinação avança a medida em que novas doses cheguem", garantiu a assessoria. Até o último sábado (23), Sobral já havia vacinado, entre profissionais e idosos institucionalizados, 972 pessoas. 

Em todo o Estado, já foram imunizados 31.599 profissionais da saúde, 1.572 idosos institucionalizados e 1.201 indígenas, totalizando 34.372 doses aplicadas. Os números foram atualizados às 12h20 desta segunda-feira e correspondem a 96,1% dos municípios cearenses. Sete Secretarias Municipais da Saúde não informaram. 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará