Upas de Fortaleza triplicam capacidade de produção de oxigênio

As usinas de três equipamentos passarão a garantir 15,8m³/h do produto para evitar desabastecimento

Escrito por Redação, metro@svm.com.br

Metro
Unidades do Bom Jardim, Edson Queiroz e Vila Velha terão reforço de oxigênio
Legenda: Unidades do Bom Jardim, Edson Queiroz e Vila Velha terão reforço de oxigênio
Foto: Rodrigo Carvalho/SMS

As usinas de oxigênio das Unidades de Pronto Atendimento (Upas) dos bairros Bom Jardim, Edson Queiroz e Vila Velha, em Fortaleza, terão capacidade ampliada de 5,6m³/h do produto hospitalar para 15,8m³/h. O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (30) pelo prefeito Sarto Nogueira.

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) detalhou, em nota, que a usina da UPA do Edson Queiroz foi triplicada já no último sábado (27). As outras duas unidades terão as novas usinas até o próximo dia 6 de abril.

Além disso, as Upas contam com cilindros reservas para evitar o desabastecimento de oxigênio, tendo em vista a alta demanda no Ceará.

O insumo é usado nos quadros clínicos em que pacientes internados com Covid-19 necessitam de nebulização ou casos de intubação e no tratamento de doenças respiratórias, possibilitando segurança e estabilidade.

"A assistência de saúde está entre as nossas prioridades e vamos seguir fazendo o que estiver ao nosso alcance para atender bem os fortalezenses", garantiu o prefeito.