Imagens mostram situação antes da queda do duplex no Pirambu

A recuperação do local deve ser iniciada nesta segunda-feira (17) com previsão de duas semanas para intervenção

Legenda: Por causa do buraco, uma casa ruiu na madrugada da última sexta-feira (14)
Foto: Foto: Anézia Gomes

Legenda: Conforme a proprietária, sinais de agravamento da situação foram registradoS em abril deste ano.
Foto: Vc Repórter

Moradores do Pirambu registraram buracos no asfalto e fissuras na estrutura do duplex antes do desabamento que deixou uma cratera no local. A proprietária do imóvel entrou em contato com a Prefeitura e com a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), antes do acontecido. A Secretaria de Infraestrutura de Fortaleza (Seinf) atribuiu o desabamento do duplex ao rompimento de uma tubulação do sistema de saneamento.

O incidente foi registrado no cruzamento da Rua Santa Inês com Rua Álvaro de Alencar, na última sexta-feira (14), em que uma residência e um ponto comercial foram atingidos pelo desabamento. Não havia ninguém morando no local, pois há cerca de três meses o duplex foi interditado. "A gente viu umas rachaduras e achou estranho. A minha vizinha chamou a Defesa Civil, uma equipe veio, condenou o imóvel e tivemos que alugar outra casa", explicou Marta Alves, proprietária do imóvel.

Legenda: Rachaduras externas já alertavam sobre o problema.
Foto: Vc Repórter

Moradores do entorno chegaram a relatar preocupação com aparecimento de outros pequenos buracos. "Queremos que eles venham resolver isso aqui. O medo é de que tenha outra chuva igual e aconteça o mesmo com a minha casa", afirmou Joelma Venâncio. No domingo (16), a cratera voltou a abrir tendo sido aterrada de forma emergencial por equipes da Prefeitura.


 



Redação 03 de Julho de 2020