Igreja de Fátima segue fechada, mas confissões serão permitidas a partir do dia 4 de agosto

Conforme padre Ivan de Souza, pároco da Igreja de Fátima, o local não adotará o retorno gradual, devendo retornar ao funcionamento normal somente com posicionamento do arcebispo

Legenda: Medidas de prevenção ao coronavírus foram tomadas nas dependências da Igreja, como a divisão dos bancos e a limpeza dos pisos e das salas
Foto: Fabiane de Paula

A Igreja de Fátima, localizada na Avenida 13 de Maio, retorna atividade para confissões e atendimentos individuais a partir da próxima terça-feira (4). A fim de evitar aglomerações, é necessário agendar as confissões previamente através das redes sociais da Igreja. Segundo padre Ivan de Souza, pároco da Igreja de Fátima, as portas do local seguem fechadas para missas e outros eventos, devendo retornar somente com a estabilidade da situação do coronavírus no Estado.

 

“A nossa previsão de retorno é quanto o arcebispo disser. Enquanto ele não falar, a gente não vai poder abrir. Porque o arcebispo tem o pensamento de retornar somente quando for totalmente seguro para todo mundo”, explica padre Ivan.

No Ceará, ainda há 162.372 casos confirmados do novo coronavírus, enquanto registra 7,4 mil óbitos em decorrência da doença, conforme a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa). 

Por não desejar excluir nenhum fiel, a Igreja de Fátima não considera a abertura gradual. “A igreja não pode excluir ninguém. Como é que a gente vai fazer isso?”, questiona padre Ivan. O pároco aponta que, na reabertura total, devem seguir os cuidadores recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e a Sesa.

“Dessa forma, podemos contribuir melhor para todo mundo e para nós, para a gente não ser contaminados, nem contaminar os outros”, finaliza o padre.

Prevenção

Considerando o retorno presencial das atividades, uma série de cuidados já começaram a ser tomados dentro do espaço da Igreja, como a limpeza das dependências internas do local. “Fizemos uma higienização total, tanto no templo, como nas salas, secretarias, e vamos higienizar também o pátio e o patamar”, diz padre Ivan. 

Os bancos já foram divididos, garantindo uma distância de aproximadamente 1,5 metros entre os fiéis. Além disso, a paróquia também busca comprar tapetes desinfetantes e colocar nas entradas. 

“Há também uma proposta de que, quando abrir, sobretudo nos dia 13, a gente realizar algumas celebrações ao ar livre, porque amplia mais o espaço e diminui o risco de contaminação da doença”, afirma padre Ivan. Enquanto o retorno não se efetiva, as celebrações seguem ocorrendo de forma on-line.

Para contribuir com o estoque de álcool em gel, padre Ivan tem contado com a colaboração dos fiéis. “Como é muita gente, nós não vamos conseguir manter o estoque, diante de tantas necessidades que vai ter do álcool em gel. Porque se a igreja fica aberta o dia todo, então o dia todo precisa desse álcool em gel”, explica.

Acolhida

A paróquia tem planejado a forma de acolhida dentro do espaço da Igreja, a fim de garantir um retorno seguro e reforçar a necessidade de prevenção ao coronavírus. O grupo da acolhida deverá ficar responsável por orientar e pedir que todos utilizem a máscara e façam a higienização com o álcool gel. 

“Porque tem pessoas que entendem, compreendem, mas vão ter pessoas que talvez não, né? Então, a gente vai ter que ter todo um atendimento e uma equipe de acolhida que vai nos ajudar”, declara o religioso. 

No momento, o padre recomenda que idosos permaneçam em casa, principalmente aqueles acima dos 60 anos ou pessoas enquadradas no grupo de risco. Ainda que as confissões tenham sido abertas, o risco do coronavírus continua e o isolamento social segue sendo a melhor maneira de evitar a contaminação pela Covid-19.

Serviço

Para agendar a confissão, é possível entrar em contato através do número (85) 9 99720311, ou do Instagram @igrejadefátima

As missas on-line seguem acontecendo de segunda a sábado, nos horários de 11h e 17h; enquanto no domingo ocorrem nos horários de 7h e 17h. É possível ver pelo canal do youtube e facebook da Igreja de Fátima. 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza