Cadastro para vacinação contra Covid-19 passa a exigir número do Cartão Nacional de Saúde

A numeração do CPF passa a ser opcional. CNS pode ser encontrado no ConecteSUS

mão segurando cartão nacional de saúde
Legenda: O acesso ao número do CNS pode ser feito de forma fácil pela internet
Foto: Divulgação/ Ministério da Saúde

O Saúde Digital, plataforma da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) para cadastramento da vacina contra Covid-19, passou a exigir o número do Cartão Nacional de Saúde (CNS) para novos cadastros. O CPF, antes obrigatório, agora é opcional.

O CNS é o documento de identificação do usuário do Sistema Único de Saúde (SUS) e pode ser encontrado na plataforma ConecteSUS.

De acordo com a Sesa, com o documento há mais rapidez na identificação do usuário do SUS e agilidade na localização do prontuário, registro de atendimentos realizados e de agendamentos de consultas e exames.

A Sesa afirma que a exigência não prejudicará a população e traz vantagens, já que, com o acesso, o cidadão também poderá acompanhar o próprio histórico de atendimentos nos serviços de saúde.

Mais planejamento

Segundo a secretária-executiva de Vigilância e Regulação em Saúde da Sesa, Ricristhi Gonçalves, as informações colocadas na base de dados da pasta permitem um melhor planejamento das ações de políticas públicas.

“A obrigatoriedade do cartão facilitará bastante o acesso do cidadão ao sistema, principalmente daqueles que têm dificuldade em relação à emissão de documentos. A Sesa conseguirá ter mais acesso àqueles que, por algum motivo, não realizaram cadastro”, diz.

Quem tem o CNS

Quem já tomou qualquer vacina ou recebeu atendimento nos serviços públicos de Saúde já possui a numeração do CNS.

Pessoas que têm ou tiveram plano de saúde também possuem a sequência numérica, disponível para consulta no ConecteSUS.

Como obter o número do CNS

  1. Acesse conectesus-paciente.saude.gov.br e clique no botão "Entrar".
  2. O site direcionará para o Portal Gov.br, onde é necessário realizar login. Quem ainda não possui cadastro deve clicar no botão "Crie sua conta gov.br".
  3. Informe o CPF e confirme as informações básicas solicitadas, como data de nascimento e filiação.
  4. É necessário criar uma senha de, no mínimo, 8 caracteres, incluindo letras maiúsculas e minúsculas, números e símbolos.
  5. Por fim, aceite os termos de uso. Será exibida uma página com o histórico de atendimentos, exames, consultas, doações, recebimentos de medicamentos e o número do CNS.

Vacinação de adolescentes

Apesar de orientação do Ministério da Saúde, o Ceará continua com a aplicação da vacina contra Covid-19 em adolescentes. Segundo Ricristhi Gonçalves, o Estado recebeu novas remessas de vacina e conseguirá manter a vacinação até que uma decisão tripartide seja tomada.

"A vacinação é a estratégia mais eficaz neste momento para a gente reduzir os casos de Covid e manter os casos em baixa. Faça o cadastro, aproveite que agora não tem a obrigatoriedade do CPF, e vamos vacinar", incentiva.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza