Agenda de vacinação contra Covid-19 é liberada para municípios que aderiram ao cadastro estadual

Cada município fica responsável pelo agendamento, que deve seguir o calendário de imunização de cada cidade

Vacina contra Covid-19
Legenda: Até o momento, 126 dos 184 municípios do Estado aderiram ao sistema.
Foto: Thiago Gadelha

O agendamento da vacinação está liberado para os municípios cearenses que fizeram integração com o Cadastro Estadual de Vacinação, por meio da plataforma Saúde Digital, informou a Secretaria Estadual da Saúde (Sesa) nesta segunda-feira (22). O agendamento deve seguir o calendário de imunização de cada cidade.

“Os municípios estão com acesso liberado para organizar a agenda. Cada município poderá informar, eletronicamente, a agenda adotada, os locais de vacinação e horários disponíveis para a população por meio da plataforma Saúde Digital”, explica Araguacy Veras, coordenador do setor de Tecnologia da Informação e Comunicação da Sesa. Até o momento, 126 dos 184 municípios do Estado aderiram ao sistema.

O uso do software foi tema de treinamento realizado com as gestões municipais pela Sesa. Agora, além, dos agendamentos, elas têm autonomia para gerenciar a situação de pacientes que tomaram ou não o imunizante contra o novo coronavírus.

Cadastro servirá como base de dados

O Cadastro Estadual será utilizado como base de dados para o Ceará. A plataforma permitirá o envio da aplicação de doses diretamente para o Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (Sipni), aumentando, assim, a transparência.

Cada município fica responsável pelo agendamento. Se uma pessoa não se encaixar na fase em vigor da vacinação, o cadastro dela ficará armazenado no banco de dados, o que permite maior organização do plano de imunização estadual.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza