Chefe de facção criminosa incluído no Programa Estadual de Recompensa é preso no Bom Jardim

Além de Alisson de Queiroz Garcia, 30, conhecido por "Koka", outro homem também foi capturado

Policial civil
Legenda: Ele é apontado pelo Ministério Público do Ceará como chefe de uma célula de uma facção criminosa nacional atuante no Bom Jardim
Foto: Divulgação/SSPDS

Um homem apontado como chefe de uma facção criminosa e que estava incluído no Programa Estadual de Recompensas foi preso no último sábado (19) no bairro Bom Jardim, em Fortaleza. A Polícia Civil divulgou o fato neste domingo (20).

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, além de Alisson de Queiroz Garcia, 30, conhecido por "Koka", outro homem também foi capturado. Materiais ilícitos foram apreendidos durante a ofensiva.

Álisson Queiroz Garcia, é apontado pelo Ministério Público do Ceará como chefe de uma célula de uma facção criminosa nacional atuante no Bom Jardim.

Ele assumiu o comando do tráfico de drogas na região depois do assassinato da rival Patrícia Magalhães Bezerra, no dia 5 de maio de 2019.

Polícia Civil divulgou a captura de
Legenda: Polícia Civil divulgou a captura de "Koka"
Foto: Divulgação

 

 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança