Primeiro dia de lockdown em Mombaça tem ruas vazias e comércios fechados; fiscalização é tranquila

Prefeitura fiscaliza o cumprimento do isolamento social rígido na cidade, que vai até o dia 1º de março

Ruas de mombaça
Legenda: O lockdown foi anunciado pelo prefeito de Mombaça, Orlando Filho, como medida de frear a disseminação de Covid na cidade
Foto: Divulgação/Prefeitura de Mombaça

Na primeira manhã de lockdown em Mombaça, no Sertão Central do Ceará, o movimento nas ruas era mínimo e o cenário foi de comércios fechados, respeitando as medidas, nesta quinta-feira (25). A cidade está em isolamento social rígido até a próxima segunda-feira, 1º de março, para conter o avanço da Covid-19. 

Segundo informações da Prefeitura do município, guardas municipais, policiais militares e agentes de Vigilância Sanitária estão nas ruas da cidade para fiscalizar o funcionamento do comércio. Neste momento, apenas os serviços considerados essenciais podem funcionar, como unidades de saúde, farmácias, supermercados, postos de combustível, entre outros. 

Agentes de segurança e fiscalização em Mombaça
Legenda: Fiscais da Prefeitura e Guardas Municipais em fiscalização nas ruas de Mombaça na manhã desta quinta-feira (24)
Foto: Divulgação/Prefeitura de Mombaça

As empresas que violarem a regra terão de pagar multa de 1 mil a R$ 10 mil, além da interdição imediata do estabelecimento por uma semana. Pessoas físicas também poderão ser multadas em R$ 200. O lockdown foi anunciado pelo prefeito de Mombaça, Orlando Filho, em live na noite dessa quarta-feira (24).

Mombaça
Legenda: Comércios não-essenciais devem estar fechados no período
Foto: Divulgação/Prefeitura de Mombaça

Covid-19 em Mombaça

De acordo com atualização da plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), às 8h47min desta quinta-feira (25), Mombaça tem 1.881 casos confirmados da doença e 42 óbitos. Há ainda 252 casos em investigação. 5.808 exames para detectar a Covid-19 já foram realizados no município. 

Rua em Mombaça
Legenda: Mombaça tem 1.881 casos confirmados de Covid-19 e 42 óbitos
Foto: Divulgação/Prefeitura de Mombaça

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Mombaça tem 42.891 habitantes. Ela é a primeira cidade cearense a decretar lockdown, após a segunda onda da pandemia. Santa Quitéria, no Norte cearense, também decretou a medida, que vale desta quinta-feira até o próximo dia 4 de março. O toque de recolher no Ceará vale até o próximo dia 28. 

O que pode abrir em Mombaça no período:

  • Serviços públicos essenciais
  • Farmácias
  • Supermercados/congêneres, somente por delivery, com portas fechas até às 20h
  • Posto de combustíveis
  • Hospitais e demais unidades de saúde e serviços odontológicos de emergência
  • Hospitais e demais unidades de saúde e serviços odontológicos
  • Laboratórios de análises clínicas para serviços de coleta de exames reflacionados à Covid-19, sendo vedado qualquer procedimento clínico
  • Restaurantes/lanchonetes somente por delivery, com portas fechadas até às 22h
  • Serviço de entrega de gás e água envasada somente por delivery até 20h
  • Funerárias
  • Velórios limitados a 15 pessoas e com duração de até duas horas
Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará