Corrida de cavalos provoca aglomeração em Tejuçuoca

Delegacia de Polícia Civil de Itapajé deve investigar o caso

Foto: Arquivo pessoal

O Ceará tem mais de 17 mil óbitos e quase 665 mil novos casos de Covid-19. Com quase todos os municípios com risco "altíssimo" de transmissão da doença, é necessária a adesão dos moradores às medidas de isolamento rígido. Contudo, no Interior, o que se observa são denúncias, em sua maioria nos fins de semana, de aglomeração de pessoas em eventos esportivos e sociais. Um exemplo recente ocorreu na zona rural de Tejuçuoca, distante 144 km de Fortaleza.

 

Na tarde do último domingo (25), no Assentamento Choro, distante apenas 3km do centro urbano, foi realizada uma corrida de cavalos com disputa de duas duplas. Fotos do evento revelam centenas de pessoas (homens, mulheres, idosos, jovens e crianças) próximas umas das outras no entorno da pista (prado), acompanhando a disputa dos animais.

O comandante do destacamento local da Polícia Militar, subtenente Maurício Lopes, confirmou a realização do evento.

Já comunicamos o fato à Delegacia de Polícia Civil de Itapajé para investigar o caso e iniciar os procedimentos cabíveis por desrespeito ao decreto estadual que trata das medidas de isolamento social”
Subtenente Maurício Lopes
Comandante da PM em Tejuçuoca

O militar ponderou que o serviço de fiscalização enfrenta dificuldades porque “a zona rural do município é extensa com cerca de 40 localidades e Tejuçuoca faz fronteiras (sic) com outros cinco municípios”. Além disso, pontuou que “esse tipo de evento geralmente é realizado em fazendas e em áreas isoladas”.

O presidente da Associação de Moradores Barbada II, que inclui o assentamento Choro, Francisco Wellington Souza Filho, também confirmou o evento, mas esclareceu que “os responsáveis não me pediram autorização e nem me comunicaram”.

Wellington Silva frisou que “é contrário à realização de corridas nesse tempo por desrespeitar a lei e favorecer o crescimento da pandemia do coronavírus”, disse. “Infelizmente, a corrida juntou muita gente que veio de várias localidades e muitos estavam sem máscara”.

O líder comunitário destacou que, no último domingo, foram realizadas duas disputas de duplas de cavalos e que os animais eram de outras localidades. Wellington Silva confirmou que o prado pertence ao Assentamento Choro.

A chefe de gabinete da Prefeitura de Tejuçuoca, Regina Brito, disse que “o município não estava sabendo da realização da corrida e que não houve até o momento nenhuma denúncia formalizada na secretaria de Saúde e nem na Vigilância Sanitária do município”.

Regina Brito afirmou que “o município está tentando identificar os responsáveis para tomar as providências cabíveis”. Mas o presidente da associação de moradores, Wellington Silva, afirmou que não foi procurado por ninguém da prefeitura.   

Legenda: No local, pessoas sem máscaras se aglomeram para a corrida
Foto: Arquivo pessoal

Corridas

As corridas de cavalos, conhecidas também por turfe, são tradicionais no interior cearense, ao lado das vaquejadas. Geralmente, envolvem disputas em duplas, em uma pista de areia, mediante apostas feitas por donos dos animais e expectadores.  

Epidemiologia

De acordo com informações do IntegraSus, o município de Tejuçuoca, localizado na microrregião do Curu, registra 23 óbitos por Covid-19 e a taxa de letalidade é de 2,1%. Há 1126 casos confirmados da doença e 935 já foram recuperados. Outros 70 casos suspeitos estão em investigação.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estima a população de Tejuçuoca, em 2020, em 19.371 pessoas.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará