Chove em mais de 100 municípios do Ceará pelo 7° dia seguido

Sertão Central e Inhamuns, Ibiapaba e Maciço de Baturité tiveram os maiores registros

Legenda: O maciço de Baturité teve grande registros de chuvas entre as 7h de quarta-feira e as 7h desta quinta-feira
Foto: Reprodução / VC Repórter

Esta quinta-feira (20) é o sétimo dia seguido com chuvas em mais de 100 municípios do Ceará. Os maiores registros foram nas regiões Sertão Central e Inhamuns, Ibiapaba, Meciço de Baturité e Litoral Norte. Os dados são atualizados ao longo do dia.

Entre as 7h desta quarta-feira (19) e as 7h desta quinta-feira (20), 122 municípios registraram chuva, de acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Novo Oriente, no Sertão Central e Inhamuns, foi a cidade onde mais choveu, com 101 milímetros. Em seguida em Ipu (98 milímetros), Choró (81 milímetros), Moraújo (81 milímetros) e Canindé (77 milímetros).

A previsão da Funceme para o Estado indica predomínio de nebulosidade variável com eventos de chuva em todas as macrorregiões até sexta-feira (21), pelo menos. A aproximação da Zona de Convergência Intertropical favorece a formação de zonas de instabilidade e induz precipitações no Estado, ainda segundo o órgão. 

A presença de um Cavado de Altos Níveis (VCAN), cujo centro está sobre o sul do Nordeste, também está colaborando para chuvas sobre o território cearense.

Situação dos açudes

Apesar da chuva, os maiores açudes do Ceará seguem em situação crítica. O Castanhão, principal reservatório a abastecer a Grande Fortaleza, tem apenas 2,47% da capacidade máxima. Já o Orós, segundo maior açude do estado, tem 4,72% do volume máximo.

Previsão para os próximos dias

Quinta-feira (20):

  • Céu nublado com eventos de chuva em todas as regiões

Sexta-feira (21):

  • Céu nublado em todas as regiões com chuva no centro-sul. Nas demais regiões, eventos de chuva.

Sábado (22):

  • Nebulosidade variável com chuvas isoladas em todas as regiões.
Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará