TRE projeta divulgação do resultado do 2º turno com maior agilidade

A demora causada na votação do último dia 15 de novembro foi atribuída a um problema no supercomputador do TSE, em Brasília. Neste domingo, porém, os gestores de Fortaleza e Caucaia devem ser conhecidos por volta das 19 horas

Legenda: Ontem, véspera do segundo turno, foram sorteadas 12 urnas que serão auditadas neste domingo
Foto: FABIANE DE PAULA

Mais de dois milhões de eleitores estão aptos a irem às urnas neste domingo (29) para votar no segundo turno das eleições municipais de Fortaleza e Caucaia. Diferente do pleito que ocorrera em 15 de novembro, quando houve lentidão na totalização dos votos e consequentemente atraso na divulgação dos resultados, o secretário de Tecnologia da Informação do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), Carlos Sampaio, garantiu que o resultado deste domingo deve ser anunciado no tempo em que habitualmente o eleitor está acostumado, isto é, "entre 19h e 19h30".

> Eleitores revelam o que esperar de novas gestões de Fortaleza e Caucaia a partir de 2021

Sampaio explicou que a demora no primeiro turno não teve qualquer relação com ataques cibernéticos e detalhou que o problema ocorreu devido à centralização dos dados de todos os TREs do País no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília, "por questões técnicas e de custo". Para a eleição de hoje, o secretário de Tecnologia da Informação do TRE asseverou que as urnas estão todas preparadas e prontas para o pleito.

"A estrutura de transmissão dos resultados vai ser a mesma (do primeiro turno). E, para evitar quaisquer intercorrências, o TSE, junto aos TREs envolvidos no segundo turno, realizou testes na terça (24) e quarta-feira (25) passadas para fazer os ajustes necessários", detalhou.

A expectativa, ainda segundo Carlos Sampaio, "é de que a divulgação ágil e eficiente que a gente vinha tendo até as eleições de 2018 seja replicada neste segundo turno". Questionado se a lentidão apresentada no pleito do dia 15 de novembro abriria alguma margem para discussão ao retorno do voto em papel, Carlos afastou essa hipótese. "Volta ao papel é uma regressão aos tempos de margem às fraudes eleitorais", disse.

Preparativos

Hoje, 2.043.510 eleitores na capital cearense e em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), estão aptos a votar. A coordenadora geral de eleições do TRE-CE, Edna Saboia, reforçou algumas orientações aos votantes, como a obrigatoriedade do uso de máscaras e a necessidade de levar consigo um documento oficial com foto ao local de votação - RG, CPF, carteira de habilitação, passaporte ou o aplicativo E-título, por exemplo.

O horário do pleito está mantido para iniciar às 7 horas com finalização prevista para 17 horas, horário de Brasília. "O idoso continua tendo prioridade de voto das 7h às 10h", pontuou Edna.

Votação

Para quem não votou no primeiro turno e está com o título de eleitor regularizado, Saboia explicou que o eleitor pode e deve comparecer à seção eleitoral para votar neste domingo. Ela detalha que cada turno é tratado como uma eleição independente pela Justiça Eleitoral. Neste turno, porém, o eleitor não poderá baixar o aplicativo "E-título", do Tribunal Superior Eleitoral, hoje, no dia da eleição. Os downloads foram encerrados às 23h59 de sábado (28). Edna Saboia reforça que a medida foi adotada para evitar sobrecarga no sistema, assim como ocorrera no primeiro turno do pleito de 2020.

As lições aprendidas na primeira votação, acrescenta Carlos Sampaio, contribuem para que a eleição deste segundo turno em Fortaleza e em Caucaia "seja sempre mais tranquila. Os eleitores já sabem onde votarão, o voto é somente para prefeito, e as lições aprendidas no primeiro turno deixam o pleito imensamente mais rápido", concluiu.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre política