Em discurso de posse, Sarto defende a vacinação contra Covid e critica ‘negacionismo à Ciência’

Sarto e o vice-prefeito Élcio Batista (PSB), foram empossados no fim da tarde desta sexta-feira (1º). Antes, os 43 vereadores eleitos na Capital também tomaram posse no início da tarde.

Legenda: Sarto e o vice-prefeito Élcio Batista (PSB), foram empossados no fim da tarde desta sexta-feira (1º)
Foto: Natinho Rodrigues

Empossado para um mandato de quatro anos à frente da Prefeitura de Fortaleza, Sarto Nogueira defendeu urgência da vacinação contra a Covid-19 em discurso de posse no fim da tarde desta sexta-feira (1º). Sarto também fez críticas ao "negacionismo".

"Nao há tempo nem espaço para o negacionismo que despreza a ciência. A vida de nossa gente é nosso bem mais precioso. Não podemos permitir que o obscurantismo atrapalhe nossa missão de superar essa pandemia. Para isso, precisaremos contar com o apoio dessa Casa", afirmou.  

Ele e o vice-prefeito Élcio Batista (PSB), foram empossados no fim da tarde desta sexta-feira (1º). Antes, os 43 vereadores eleitos na Capital também tomaram posse no início da tarde. A cerimônia ocorreu na Câmara Municipal em formato híbrido por causa da pandemia da Covid-19.

No discurso de posse, o novo gestor municipal destacou ainda como prioridades no início do mandato a retomada das aulas presenciais na rede pública municipal, a garantia da vacinação da população fortalezense contra a Covid-19 e a geração de emprego e renda, especialmente para jovens e mulheres.

"2021 é o ano que renova nossas esperanças, mas impõe provações na saúde, economia e educação", disse Sarto Nogueira. Diante de tais desafios, ele aproveitou para pedir o apoio dos vereadores recém-empossados.

O governador Camilo Santana (PT) participou da cerimônia virtualmente. A primeira-dama Natália Herculano e outras autoridades também estiveram presentes.

Veja como foi a cerimônia da posse:

Vereadores

A posse dos novos prefeito e vice começou por volta das 17h. Antes, a posse dos vereadores estava marcada para as 13h30, mas iniciou com cerca de uma hora de atraso. Os trabalhos iniciais foram conduzidos por Elpídio Nogueira (PDT), vereador mais antigo da Casa, e o mais velho, com 68 anos. Já a posse de Sarto Nogueira e Élcio Batista foi conduzida pelo presidente reeleito da Câmara, vereador Antônio Henrique (PDT).

cerimônia se deu de forma adaptada, observando protocolos sanitários. Os vereadores permaneceram nos gabinetes até serem chamados para realizar o juramento, e, em seguida, assinaram a ata.  

Logo após empossados os parlamentares, uma cerimônia elegeu a nova Mesa Diretora, com votação de modo virtual, com os vereadores já de volta aos gabinetes. 

A chapa única foi eleita por unanimidade, e permanece no comando da Câmara pelo biênio 2021-2022.  

Quero receber conteúdos exclusivos sobre política