Testes rápidos representam 71,8% dos exames para diagnóstico de Covid-19 no Ceará

Ao todo, segundo informações do IntegraSUS, 384.697 testes já foram realizados em território cearense

Do total de 384.697 testes realizados para detecção da Covid-19 até esta segunda-feira (20), no Ceará, cerca de 71,8% foram feitos por meio do teste rápido. O dado é apontado na plataforma IntegraSUS, atualizada na manhã desta segunda-feira (20). A porcentagem representa 276.214 testes, incluindo números de laboratórios públicos e privados.

De acordo com atualização da Sesa, 147.566 diagnósticos positivos da Covid-19 já foram computados no Ceará até a manhã desta segunda (20). Além disso, 7.185 óbitos pela doença foram registrados.

Além dos testes rápidos, 95.685 testes RT-PCR foram realizados até então, representando 24,87% do total de exames no Ceará. Estes, também conhecidos como testes moleculares, são definidos como os mais precisos para determinar ou não a presença do novo coronavírus em pacientes.

Também no registro, constam 12.716 testes de sorologia, 60 que utilizaram a técnica de eletroquimioluminscência e outros 22 sem modalidade definida.

Tipos

No RT-PCR, o material é colhido da cavidade nasal e/ou na orofaringe por meio de um “cotonete”, o swab. O teste é capaz de detectar a presença do material genético do Sars-Cov-2 no organismo.

Já no teste sorológico, que inclui os rápidos, verifica-se a presença dos anticorpos, IgA, IgM e IgG para o novo coronavírus no organismo, de acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A análise da coleta é feita com sangue, soro ou plasma.

Você tem interesse em receber mais conteúdo da cidade de Fortaleza?


Redação 23 de Setembro de 2020