Sistema de agendamento da vacinação contra Covid-19 continua instável em Fortaleza

A Secretaria Municipal da Saúde informou que falha ocorre pela alta procura de usuários

Escrito por Redação, metro@svm.com.br

Metro
vacine já
Legenda: Site e aplicativo de agendamento apresentam falhas desde a noite desse domingo (24)
Foto: Isanelle Nascimento

O aplicativo Mais Saúde Fortaleza e o endereço eletrônico Vacine Já, disponibilizados à população da Capital para marcação do imunizante contra o novo coronavírus, segue com falhas técnicas, o que impede o acesso para consulta de dias e horários. 

Em nota enviada ao Diário do Nordeste na manhã desta segunda-feira (25), após queixas dos usuários, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) confirmou o problema nas duas ferramentas. 

“O nosso sistema de agendamento da vacina contra a Covid-19 está sofrendo instabilidade por conta da alta demanda. Estamos atentos às dificuldades relatadas. Nossa equipe está trabalhando para corrigir as falhas”.

A Pasta repetiu o mesmo comunicado já divulgado na noite desse domingo (24), nas redes sociais da Prefeitura de Fortaleza, quando os usuários começaram a evidenciar a instabilidade na plataforma. 

Retornos

“Estou há horas tentando marcar e não dá certo. O site não carrega”, reclamou uma internauta. “Na última confirmação, deu erro”, lamentou outra. 

Por outro lado, apesar da dificuldade na navegação, há quem conseguiu confirmar o agendamento. “Finalmente consegui o meu e do meu pai”, Demora um pouco, mas dá certo. É só ficar carregando a página que completa”, estão entre os comentários. 

O agendamento foi liberado pela gestão municipal às 18h do domingo (24) para trabalhadores de saúde e idosos acima de 75 anos, público-alvo do segundo lote de vacinas recebido ainda no sábado (24). A aplicação das doses começará ao longo desta segunda-feira (25) para os profissionais que estão na linha de frente. 

Via Twitter, o prefeito Sarto Nogueira alertou que a falha fez ainda os idosos serem agendados para o Centro de Eventos. "No entanto, a imunização desse público só vai ocorrer a partir de quarta-feira, em casa, após contato prévio informando data e horário", frisou.  

 

 

 

 

Assuntos Relacionados