Saiba quais vias de Fortaleza foram regulamentadas com velocidade máxima permitida abaixo de 60km/h

Alguns trechos da Capital sofreram com alterações na velocidade, visando diminuir a quantidade de acidentes no trânsito

Escrito por Redação, metro@svm.com.br

Metro
Trânsito
Legenda: As medidas de redução, em áreas com circulação de muitos pedestres, são defendidas e orientadas pela Organização das Nações Unidas (ONU).
Foto: Helene Santos

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) alterou o limite de velocidade de 60 km/h para 50 km/h em algumas vias da capital cearense, a fim de diminuir a quantidade de acidentes no trânsito. As medidas de redução, em áreas com circulação de muitos pedestres, são defendidas e orientadas pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Segundo indicação do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), as vias urbanas - que não possuem placas de velocidade e que não são avenidas ou vias expressas - devem ter um limite de velocidade entre 30 km/h a 40 km/h. São as chamadas vias locais ou coletoras. 

Assim, antes da regulamentação atual das vias pela AMC, muitas delas já seguiam esse limite de velocidade e, apesar das recomendações do CTB, cada órgão municipal possui autonomia para reger a questão.

De acordo com o professor do Departamento de Engenharia de Transportes da Universidade Federal do Ceará (UFC), Flávio Cunto, as alterações que estão acontecendo em Fortaleza nos últimos anos estão alinhadas com o novo paradigma de segurança viária e mobilidade sustentável das grandes cidades.

“Na área urbana, a gente sabe que a velocidade é um fator preponderante para a gravidade final de um acidente de trânsito, principalmente porque a gente, na maioria das vezes, têm usuários vulneráveis envolvidos, como os pedestres, ciclistas e motociclistas. Então, essa redução causa um impacto muito grande nas consequências de atropelamentos”, explica Flávio.

Segundo um estudo da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico, a probabilidade de um pedestre morrer num acidente de trânsito vai depender da velocidade do carro.

Caso os veículos estejam a até 30 km/h, o pedestre tem 10% de chance de vir a óbito. Com 40 km/h, a chance de morte fica entre 30% e 40%. Já se o veículo estiver a 50 km/h, essa porcentagem passa dos 80% e ainda vai aumentando gradativamente junto com a velocidade.

O professor do Departamento de Engenharia de Transportes ressalta que, apesar das dificuldades em reduzir totalmente os acidentes de trânsito na cidade, “a gente espera que aqueles acidentes inevitáveis aconteçam com nível de energia - diretamente relacionada à velocidade - baixo o suficiente para que os usuários vulneráveis saiam com vida ou com ferimentos leves”.

Mais segurança

Para o enfermeiro Rodrigo Ermeson, 26, a medida tem sido benéfica, apesar de ainda restar dúvidas quanto ao seu cumprimento. “Pessoalmente eu acho importante e faz total sentido. Como eu ando de moto, qualquer coisa que me dê mais segurança é bem-vinda”.

“Mas do mesmo jeito que, quando era 60 km/h tinha gente que não obedecia [o limite], com 50 km/h também tem gente que não vai obedecer, porque quem tá com pressa vai passar da velocidade de qualquer jeito. Só que agora, ao menos, vai ser dentro de um limite menor”, continua.

Trânsito caótico 

Já segundo o estudante João Vitor Paiva, 22, Fortaleza tem um trânsito caótico e, com a diminuição da velocidade das vias, “o que era difícil vai ficar praticamente impossível, porque muitos condutores da cidade são extremamente ‘amarrados’ e em algumas situações isso piora e muito”.

“Todos os dias os cidadãos perdem cerca de 2h ou até 3h no trânsito e esse tempo tende a aumentar ainda mais, prejudicando não só o trânsito, mas também o tempo de locomoção que as pessoas levam para chegar em seus compromissos, seus locais de trabalho”, comenta João.

Mais fluidez

No entanto, o professor Departamento de Engenharia de Transportes, Flávio Cunto, destaca que a medida não irá impactar consideravelmente na fluidez do trânsito, porque “as velocidades médias dessas vias já são bem abaixo da velocidade máxima permitida”.

Além disso, de acordo com o coordenador da iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global, Dante Rosado, os perigos em relação a assaltos nas vias - que também têm gerado preocupações em muitas pessoas - não tendem a aumentar por conta das novas medidas.

“As regras de trânsito permanecem, ou seja, as pessoas devem continuar parando nos cruzamentos, respeitando as sinalizações, reduzindo a velocidade para realizar retornos, por exemplo. E todos nós entendemos a importância desses dispositivos para ter um trânsito seguro, então diminuir a velocidade de 60 km/h para 50 km/h não impacta nos assaltos”, explica.

VIAS COM LIMITE A 50 KM/H

  • Avenida Abolição 

Trecho entre a Av. Barão de Studart e a Av. Beira Mar

  • Avenida Augusto dos Anjos

Trecho entre a Rua Gomes Brasil e a Av. Osório de Paiva

  • Avenida Bernardo Manuel

Trecho entre a Rua 20, no José Walter, e a Av. Radialista João Ramos

  • Avenida Coronel Carvalho

Trecho entre a Av. Francisco Sá e o viaduto da Av. Mister Hull

  • Avenida Dom Luís

Trecho entre a Rua Frei Mansueto e a Rua Tibúrcio Cavalcante

  • Avenida Duque de Caxias

 Trecho entre a Rua Nogueira Acioli e a Av. Padre Ibiapina

  • Avenida Francisco Sá

Trecho entre a Rua Adriano Martins e a Av. Coronel Carvalho

  • Avenida Frei Cirilo

Trecho entre a Av. Min. José Américo e a Rua Bady Miguel

  • Avenida General Osório de Paiva

Trecho entre a Rua Gomes Brasil e a Av. Oscar Araripe

Trecho entre a Av. Luís Vieira e o Anel Viário

  • Avenida Gomes de Matos

 Trecho entre a Rua Barão de Sobral e a Rua Jorge Dumar

  • Avenida Historiador Raimundo Girão

Trecho entre a Rua Hist. Guarino Alves e a Rua Silva Paulet

  • Avenida João de Araújo Lima 

Trecho entre a Av. Pres. Costa e Silva e a Av. Rad. João Ramos

  • Avenida José Leon 

Trecho entre a Av. Hermínio de Castro e a Av. Dr. João Maciel Filho

  • Avenida Monsenhor Tabosa 

Trecho entre a Rua João Cordeiro e a Av. Br. De Studart

  • Avenida Pres. Castelo Branco 

Trecho entre a Rua Jacinto Matos e a ponte da Barra do Ceará

Trecho entre a Rua Jacinto Matos e a Av. Dom Manuel

  • Avenida Santos Dumont 

Trecho entre a Av. Dioguinho e a rua Cel. Ferraz

  • Rua Alberto Magno 

Trecho entre a Rua Elcias Lopes e a Rua João Sorongo

  • Rua Dr. Justa Araújo 

Trecho entre a Rua Galileu e a Av. Silas Munguba

  • Rua Gov. João Carlos 

Trecho entre a Rua Galileu e a Av. Silas Munguba

  • Rua Marechal Bittencourt 

Trecho entre a Rua Pedro Dantas e a Av. Silas Munguba

  • Rua Vereador Pedro Paulo 

Trecho entre a Av. Washington Soares e a Av. Dr. João Maciel Filho

VIAS COM LIMITE A 40 KM/H

  • Avenida Beira Mar

  • Avenida Monsenhor Tabosa 

Trecho entre a Av. D. Manuel e a Rua João Cordeiro

  • Rua Paulo Firmeza

  • Rua Monsenhor Salazar

  • Avenida Antônio Sales

Trecho entre a Av. Eng. Santana Júnior e a Rua Monsenhor Catão

  • Rua Ana Bilhar

  • Rua Canuto de Aguiar

Assuntos Relacionados