Protesto interrompe trânsito de veículos na BR-222 em Caucaia

Pneus e galhos foram queimados e utilizados para bloquear a passagem de carros na rodovia federal

Carros em engarrafamento na BR 222
Legenda: Vários carros encontraram a impossibilidade de cruzar a via na manhã desta terça-feira (22)
Foto: reprodução

Indígenas bloquearam a BR-222 nesta terça-feira (22) em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza, em protesto relacionado à PL 490, que aborda questões de demarcação de terras. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), os manifestantes impediram o trânsito de veículos no quilômetro 22 da rodovia.

Pneus e galhos foram queimados e utilizados para bloquear a passagem de carros na via federal. Ainda no local, os manifestantes cantam e dançam em meio ao bloqueio. 

Enquanto isso, a fila de automóveis e caminhões parados, aguardando que a rodovia seja liberada, se estende por alguns quilômetros. A BR-222 liga Fortaleza aos municípios da Região Norte do Ceará, e segue até o Pará.   

Reivindicação

Segundo Cacique Roberto Ytaysaba Anace, a movimentação na via foi pensada ainda na noite de segunda (21), como uma forma de posicionamento dos indígenas em relação à PL, que deve ser votada no Senado ainda nesta terça-feira (22).

"Esse protesto nessa localidade é um protesto ordeiro. Estamos aqui para o diálogo, há 520 anos que vivemos nesse diálogo, mesmo que ele não não ocorra conosco", afirmou em entrevista.

Além disso, ele comenta, o fechamento da BR é uma forma de fazer coro às manifestações registradas na cidade de Brasília, no DF. "Foi uma forma de chamar a atenção da população, das pessoas que se importam com a natureza. Essa PL 490 vem sim para destruir toda a natureza, a qual somos conectados também, e todo o povo brasileiro", completou.

 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza