Madrugada de busca por sobreviventes em desabamento de prédio é marcada pela presença de voluntários

Segundo os organizadores, cerca de 150 pessoas se revezam na ação

Legenda: Madrugada de busca por sobreviventes em desabamento de prédio é marcada pela presença de voluntários.
Foto: Foto: Rafaela Duarte

A madrugada de buscas por sobreviventes no prédio que desabou na manhã desta terça-feira (15), no Bairro Dionísio Torres, em Fortaleza, foi marcada pelo trabalho do Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, socorristas e a presença de voluntários.

Membros de igrejas se uniram ao movimento Fortaleza Solidária e passaram a noite no local do acidente, em um espaço cedido por uma lojista na esquina das ruas Tomás Acioli e Tibúrcio Cavalcante. Segundo os organizadores, cerca de 150 pessoas se revezam na ação.

Conforme o presidente da filial cearense da Cruz Vermelha, Alan Damasceno, a entidade coordena essas pessoas, que também estavam colaborando com as buscas.

Os voluntários organizam as doações que chegam até o local e a distribuição dos mantimentos.

Estão sendo arrecadados alimentos não perecíveis, vestuário, itens de higiene pessoal, toalhas e lençóis, entre outros itens.

Vídeo mostra momento da queda

Drone: imagens aéreas mostram cenário de destruição

Vídeos minutos após a queda do prédio