Idosos recebem 2ª dose da vacina da AstraZeneca em Fortaleza mesmo sem estarem em lista

Apesar do episódio, Prefeitura disse que continua organizando a vacinação por agendamento

Idosa de 76 anos recebendo segunda vacina da AstraZeneca em Fortaleza
Legenda: Maria Ivanisa Farias foi vacinada com a segunda dose após questionar se não receberia o imunizante.
Foto: arquivo pessoal

Idosos que receberam a primeira dose da vacina AstraZeneca/Oxford em janeiro já começaram a receber o reforço em Fortaleza nesta sexta-feira (16), mesmo após a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) não ter divulgado previsão do início da imunização com a segunda dose. Essa aplicação, inclusive, chegou a ocorrer sem agendamento. Essas pessoas fazem parte de um grupo que foi imunizado após uma marcação classificada, à época, como uma "falha técnica" no sistema de cadastro da SMS. Em nota, a Prefeitura disse que, apesar do episódio, continua organizando a vacinação por agendamento.

Um dos exemplos é o caso de José Oriani. Ele recebeu a primeira dose por meio de drive-thru no Centro de Eventos no dia 25 de janeiro. Naquele período, a vacinação de idosos com mais de 75 anos começaria oficialmente no dia 27 de janeiro. A mãe dela, Maria Ivanisa Farias, 76 anos, também passou pelo mesmo problema no cadastro, mas recebeu primeira dose no dia 28 de janeiro no Centro de Eventos. 

Nesta sexta, enquanto o marido era vacinado, ela perguntou se receberia a vacina, que também não estava agendada. A equipe de profissionais da saúde informou que não tinha autorização, mas pediria à SMS. Ainda nesta manhã, a segunda aplicação foi autorizada mesmo sem o agendamento, e a idosa foi vacinada.

A dentista Cynthia Farias relatou que o pai, José Oriani Farias, 80 anos, recebeu a vacina em domicílio na manhã desta sexta-feira (16). De acordo com a filha, nem ela, nem o pai foram avisados sobre a aplicação da segunda dose. "Simplesmente chegaram lá hoje de manhã, não avisaram de nenhuma maneira. Nem e-mail, nem mensagem, nem ligação". A divulgação do início da aplicação do reforço do imunizante AstraZeneca/Oxford ocorreu no fim da manhã desta sexta.

Agendamento segue

A SMS respondeu, em nota, que a Prefeitura de Fortaleza está realizando a aplicação da vacina, além de que "continua organizando" a vacinação por agendamento a partir daqueles que já realizaram o cadastro nas plataformas oficiais correspondentes à etapa da campanha. A Pasta, porém, não confirmou a aplicação das vacinas sem aviso sobre o agendamento nem informou se os idosos que receberam o reforço nessa circunstância são apenas os que passaram pela falha técnica em janeiro.

O prazo para aplicação da segunda dose, conforme a Secretaria, segue os critérios descritos no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19. As listas de agendamento nas modalidades drive-thru e sala de vacinação, assim como as de outros grupos, são divulgadas em site gerenciado pela Prefeitura.

Falha no início da vacinação

A falha técnica ocorrida em janeiro se deu em menos de 24 horas após a liberação do agendamento, realizada no dia 24 daquele mês. Na ocasião, 863 idosos conseguiram confirmar a primeira dose do imunizante para ser tomada no Centro de Eventos, com 400 deles já podendo recebê-la no dia seguinte, 25 de janeiro.

A secretária municipal de Saúde (SMS), Ana Estela Leite, explicou, no dia 25, que o grupo não deveria comparecer ao local da vacinação, incluindo que uma equipe da Prefeitura estava trabalhando para comunicar o erro aos idosos. "Nós estamos com uma equipe de 40 pessoas enviando e-mail, mensagens, ligando para que eles não venham para o Centro de Eventos porque aqui não é local adequado", alegou a titular da Pasta à época. 

No entanto, idosos que compareceram ao local no dia 25 — como José Oriani e Nanete — receberam a aplicação da primeira dose após um drive-thru ser montado para recebê-los.

Conforme a SMS, os idosos que passaram pelo erro no sistema em janeiro e foram agendados para o Centro de Eventos também receberão a segunda dose. A Pasta diz que o reforço ocorrerá "conforme prazos determinados pela marca do imunobiológico".

 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza