Ceará ultrapassa 130 mil casos confirmados de Covid-19; 6.691 pessoas morreram pela doença no Estado

Fortaleza e Sobral concentram o maior número de casos, com 37.680 e 7.877 registros, respectivamente.

foto
Legenda: Movimentação no Centro de Fortaleza, que está na fase 3 do processo de reabertura econômica
Foto: Thiago Gadelha/SVM

O Ceará alcançou os 130.992 casos confirmados de Covid-19 e registra 6.691 mortes em decorrência da doença. Os dados são da plataforma IntegraSUS, atualizados às 9h desta quinta-feira (9). São 104.029 recuperados da enfermidade no Estado. 

Fortaleza lidera nos índices do novo coronavírus, com 37.680 diagnósticos positivos e 3.450 óbitos. Na Região Metropolitana, Maracanaú e Caucaia registram 4.266 e 4.134 casos confirmados, respectivamente. Caucaia tem 295 mortes pela doença, enquanto Maracanaú contabiliza 213 óbitos.

Apesar de altas taxas na Grande Fortaleza, a Covid-19 está se interiorizando no Estado. Os municípios do interior concentram 67% das confirmações, segundo levantamento do Ministério da Saúde.

Sobral, na Região Norte, é a segunda cidade em número de casos, com 7.877 confirmações e 253 mortes. A cidade está em lockdown desde 1° de junho. 

Os índices também crescem com velocidade no Cariri, que reúne 4 das 10 cidades com maiores índices de Reprodução Efetiva (RT) da Covid-19. Juazeiro do Norte tem 3.377 registros positivos e 125 mortes pela doença.

Ações de combate ao novo coronavírus são investigadas pelo MPCE em 163 municípios cearenses

Oito a cada dez cearenses infectados estão recuperados da Covid-19

O IntegraSUS aponta que há ainda 69.266 casos suspeitos do novo coronavírus. 611 mortes estão em investigação. O Ceará já realizou 331.082 testes para identificar o vírus. 

A mortalidade da doença, proporção entre as taxas de casos e mortes confirmadas, está em 5,1%. 3 dos óbitos confirmados ocorreram nas últimas 24h.

Leitos 

A taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), para adultos, está em 68,84%. A ocupação de leitos de enfermaria é de 44,3%.

Conforme aponta o IntegraSUS, os hospitais com maior taxa de ocupação em leitos de UTI são:  Hospital Geral Dr. Waldemar Alcântara (HGWA), com 100%; o Hospital Regional do Sertão Central (HRSC), com 92,5% e o Hospital Regional Norte (HRN), com 86,4% de ocupação. 


 


Assuntos Relacionados