Jorge Wilstermann divulga relacionados; estrangeiros são destaques

Time boliviano não joga desde 11 de abril e tem como destaques os argentinos Chávez e Pato Rodríguez, além do brasileiro Serginho

Legenda: O Jorge Wilstermann é um dos maiores vencedores do futebol boliviano com 15 títulos nacionais, mas não começou bem a edição de 2021
Foto: Divulgação Conmebol

O Jorge Wilstermann, adversário do Ceará hoje às 19h15 (veja tudo sobre o jogo), na Arena Castelão, na abertura do Grupo C da 1ª Fase da Copa Sul-Americana, vive um momento conturbado. O time boliviano é apenas o 14º colocado do campeonato nacional após 4 rodadas disputadas, com apenas 3 pontos. O time está à frente apenas dos clubes que seriam rebaixados.

>Veja página especial com tudo sobre a estreia do Ceará na Sul-Americana

A última vez que o "Aviador" entrou em campo foi no dia 11 de abril, ao ser derrotado pelo The Strongest por 3 a 0. Assim, o técnico  Mauricio Soria está pressionado e precisa mostrar uma reação na estreia da Copa Sul-Americana.

Para o duelo, o treinador relacionou 23 jogadores e o clube divulgou a lista ainda ontem em seu twitter. Os destaques do Jorge Wilstermann são conhecidos do torcedor brasileiro. 

Legenda: Os relacionados do Jorge Wilstermann para o duelo com o Ceará
Foto: Divulgação Jorge Wilstermann

Destaques

O elenco do Jorge Wilstermann conta com jogadores experientes como brasileiro Serginho, de 36 anos, que joga com a camisa 10. O volante construiu a sua carreira no interior paulista atuando por times menores, como Linense, Mirassol, Guaratinguetá, Mogi Mirim, Botafogo-SP e XV de Piracicaba. No clube boliviano desde 2018, o meio-campista tem 136 jogos e 36 gols marcados.

Outro jogador conhecido dos brasileiros é o atacante Patito Rodríguez. O meia argentino, revelado pelo Independiente, atuou pelo Santos entre 2012 e 2016.

Outro destaque do time é o meia-atacante argentino Cristian Chávez, de 34 anos, que está no clube desde 2017. Ele foi revelado pelo gigante Boca Juniors-ARG em 2005, e onde jogou lá até 2012, conquistando uma Libertadores e uma Recopa Sul-Americana. Chávez também venceu a Copa Sul-Americana em 2013 com o Lanús-ARG.

 

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte