Chamusca pontua erros do Fortaleza no Clássico e diz que time deve "reagir o mais rápido possível"

Treinador tricolor analisou o baixo nível do Leão do Pici neste domingo (20)

Legenda: Mesmo com excelente histórico na carreira, Marcelo Chamusca não conseguiu fazer o Fortaleza render em campo
Foto: Camila Lima / SVM

Técnico do Fortaleza, Marcelo Chamusca comentou sobre o fraco desempenho do Leão na derrota para o Ceará no Clássico-Rei pela Série A do Brasileirão. Na entrevista coletiva, o comandante tricolor pontuou o que faltou à equipe neste domingo (20), na Arena Castelão.

"Faltou muita coisa, principalmente no 1º tempo. Tivemos pouco controle de jogo, pouca criação de oportunidades, fomos bem passivos no aspecto defensivo. Pouco jogo de entrelinhas com Romarinho e Yuri. Nada disso aconteceu. O adversário neutralizou, fechou espaços e foi superior. Torcedor tem toda a razão de estar preocupado. É uma sequência ruim na competição. Precisamos reagir o mais rápido possível para nos afastar do Z-4", afirmou Chamusca.

Os dois gols alvinegros vieram no 2º tempo em um intervalo de nove minutos. Foi a 7ª derrota nos últimos 11 jogos do Tricolor do Pici.

"Você toma um gol em um minuto em uma jogada cantada durante a semana, na palestra. Em seguida, erramos e não tivemos a capacidade de estarmos bem organizados para matar marcando. E o Ceará foi muito feliz na construção e na finalização da jogada. Daí em diante, melhoramos muito mas fomos, mais uma vez, pouco eficientes", lamentou o técnico.

Chamusca comentou que pensa em começar com o meia João Paulo como titular em uma formação diferente nas próximas partidas. O camisa 10 entrou na 2ª etapa contra o Vovô e mudou a dinâmica do ataque com Osvaldo e Vázquez.

"Coloquei o João Paulo e minha intenção é, gradativamente, dando um tempo maior. Quem sabe, já no próximo jogo, não podemos utilizar um jogador mais criativo, trabalhar menos com transição, com um jogo mais por dentro, com alguém mais centralizado", disse o treinador.

O Fortaleza enfrenta o Flamengo neste sábado (19), às 19h, na Arena Castelão.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte