Proprietários de imóvel que desabou parcialmente na Maraponga têm bens bloqueados pela Justiça

A restrição não se aplica à imobiliária que administrava os contratos do prédio porque a atuação dela se limitava a representar os proprietários da unidades habitacionais