Advogados do Ceará terão ponto de atendimento exclusivo da Receita Federal em Fortaleza

Os atendimentos ocorrerão presencialmente na sede da OAB Ceará e visam facilitar o atendimento de advogados

Sede da OAB Ceará
Legenda: O Ponto de Atendimento Virtual (PAV) deve funcionar na sede da OAB em Fortaleza, localizada na Avenida Washington Soares
Foto: Thiago Gadelha

A Ordem dos Advogados do Brasil - Scção Ceará (OAB-CE) em parceria com a Receita Federal deve instalar um Ponto de Atendimento Virtual (PAV) exclusivo para o setor da advocacia, conforme acordo firmado na última sexta-feira (1º). Profissionais da área tributária são os principais beneficiados.

A criação do espaço ocorre depois de articulação, realizada há cerca de dois anos, da diretoria e da Comissão de Direito Tributário (CDTrib). O PAV deve funcionar na sede da OAB em Fortaleza, localizada na Avenida Washington Soares, 800, no bairro Patriolino Ribeiro.

Os atendimentos serão presenciais e para facilitar o atendimento de advogados em um contexto em que os agendamentos são feitos com prazo de 10 dias, como explicou Erinaldo Dantas, presidente da OAB Ceará, à assessoria de comunicação.

“É mais um serviço que a Ordem cearense põe à disposição da advocacia, fruto de muito esforço e diálogo. O ponto de atendimento favorece e valoriza toda a nossa classe, fortalecendo a relação institucional entre a OAB e a Receita Federal”

O atendimento exclusivo atende principalmente os advogados tributaristas, como observou Hamilton Sobreira, presidente da CDTrib. “Uma construção a várias mãos que mantém e confirma o propósito da Comissão de Direito Tributário de estreitar os laços com as instituições”, ressaltou.

Para Erinaldo Dantas, presidente da Ordem no Ceará, "o ponto de atendimento favorece e valoriza toda a nossa classe, fortalecendo a relação institucional entre a OAB e a Receita Federal", destacou.

Serviço
Legenda: Serviço deve dar agilidade para os procedimentos tributários
Foto: Natália Rocha

Sandra Holanda, delegada adjunta da Receita Federal em Fortaleza, avaliou que o serviço deve ter repercussão positiva na sociedade. “Importante ação de cidadania onde estamos oferecendo à sociedade, através da OAB, uma forma de acolhimento às demandas para a Receita”, contou.

 

Quero receber conteúdos exclusivos do Seu Direito