Ceará registra chuva em mais de 90 municípios nesta quarta-feira (12)

Itaiçaba foi a cidade com o maior volume em 24 horas, acumulando 75.6 mm, segundo a Funceme

Chuva no Ceará
Legenda: O número de cidades é equivalente a 67.4% das 135 localidades monitoradas pela fundação
Foto: Fabiane de Paula

O Ceará registrou chuva em 91 municípios no intervalo de 24 horas, conforme dados divulgados pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) nesta quarta-feira (12). 

Em Morada Nova, a população registou alagamentos e transtornos causados pela atividade pluviométrica. Segundo a instituição, que atualizou as informações às 10h, o volume no local foi de 19 milímetros.

Itaiçaba foi a cidade com a maior acumulado nesse período, com 75.6 mm. Além da cidade, Icapuí, que também é localizado na região de Jaguaribana, registrou a terceira maior precipitação do Estado, com 61 mm. 

O segundo município com maior volume de chuva foi Canindé, com 62.5 mm, no Sertão Central.   

Outras cidades com elevados volumes pluviométricos foram Maracanaú (59 mm), Uruburetama (49 mm), São Gonçalo do Amarante (47 mm), Jati (45 mm) e Crateús (45 mm). Em Fortaleza foram registrados apenas 7 mm de terça-feira (11) para esta quarta, segundo a Funceme.

Quadro com as 10 maiores chuvas registradas nos postos do Ceará registrada pela Funceme
Foto: reprodução/Funceme

Previsão do tempo

Nesta quarta-feira, o céu varia entre nublado e parcialmente nublado em todas as macrorregiões do Estado. Litoral Norte, Ibiapaba, Sertão Central, Inhamuns, Cariri, Jaguaribana e Maciço de Baturité devem registrar chuva. 

No Litoral do Pecém e no Litoral de Fortaleza há baixa possibilidade de precipitação. 

Para os próximos dois dias, o Ceará segue com condições de chuva, com destaque para sexta-feira (14), em que a previsão indica possibilidade de precipitação para todo o Estado. 

Conforme a Funceme, entre esta quarta e quinta-feira (13), as precipitações tendem a ficar concentradas no Interior, principalmente sobre o Cariri, Ibiapaba, Sertão Central e Inhamuns (oeste e sul da macrorregião), centro-sul da Jaguaribana e Maciço de Baturité.

 

 

 

 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará