13 cidades parceiras do Instituto Myra Eliane recebem Selo Unicef

A parceria entre as cidades e o Instituto se deu através do Projeto Ensino dos Valores Humanos na Educação. Aderindo ao Selo, cada município assume o compromisso de manter políticas públicas pela infância e adolescência

Legenda: Vivência dos valores humanos universais na educação infantil é a base do Instituto Myra Eliane
Foto: Fernanda Siebra

O investimento em ações e projetos voltados à garantia dos direitos das crianças e adolescentes rendeu frutos a 13 cidades do Ceará. Aquiraz, Brejo Santo, Cascavel, Caucaia, Crato, Eusébio, Horizonte, Juazeiro do Norte, Maracanaú, Pindoretama, Redenção, São Gonçalo do Amarante e Várzea Alegre receberam o Selo Unicef, iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). 

Os municípios mantêm uma parceria com o Instituto Myra Eliane através do Projeto Ensino dos Valores Humanos na Educação, e, agora, assumem o compromisso de manter a agenda de suas políticas públicas pela infância e adolescência como prioridade. A metodologia do Selo inclui o monitoramento de indicadores sociais e a implementação de ações que ajudem o município a cumprir a Convenção sobre os Direitos da Criança. No Brasil, essa Convenção é refletida no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

O Selo Unicef contribui, ainda, para que sejam alcançados oito dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), uma agenda global que se combinou entre todos os Estados-Membros das Nações Unidas até 2030.
Os objetivos contemplados pelo Selo são: erradicação da pobreza; fome zero e agricultura sustentável; saúde e bem estar; educação de qualidade; igualdade de gênero; redução das desigualdades; paz, justiça e instituições eficazes; e parcerias e meios de implementação.

Myra Eliane

Assim como propõe o Unicef, contribuir para a transformação da sociedade é um dos objetivos do Instituto Myra Eliane, que busca fazê-lo através da formação e vivência dos valores humanos universais (amor, paz, verdade, retidão e a não-violência) na educação infantil. 

A organização sem fins lucrativos foi criada em 2016, e conta com as parcerias do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), do Instituto Sathya Sai de Educação do Brasil e das Prefeituras e Secretarias de Educação dos municípios parceiros. 

Atualmente, 409 escolas aplicam a metodologia do Myra Eliane. Mais de 14 mil crianças são contempladas nos 14 municípios onde o projeto foi implantado – Aquiraz, Brejo Santo, Cascavel, Caucaia, Crato, Eusébio, Horizonte, Juazeiro do Norte, Maracanaú, Milagres, Pindoretama, Redenção, São Gonçalo do Amarante e Várzea Alegre. As ações são conduzidas por mais de 4 mil educadores.

Atuação

O trabalho proposto através do Selo Unicef tem como foco os municípios do Semiárido e da Amazônia Legal – regiões que, de acordo com o próprio Fundo das Nações Unidas para a Infância, concentram a maior parte dos meninos e meninas excluídos ou em condições de vulnerabilidade social. Em edições anteriores foi observado que os indicadores de impacto social das cidades reconhecidas com o Selo se elevam mais do que de outros municípios das mesmas regiões que não foram certificados.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará

Assuntos Relacionados