Diretório municipal do PT lança pré-candidatura de Luizianne Lins à Prefeitura de Fortaleza

Ex-prefeita da Capital e atual deputada federal considera "difícil" formar uma frente com o PDT de Ciro e Cid Gomes

Legenda: Luizianne Lins quer disputar mais uma vez a Prefeitura de Fortaleza
Foto: Agência Câmara

O Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) lançou, na tarde deste domigo (5), a pré-candidatura da deputada federal Luizianne Lins, de 51 anos, à Prefeitura de Fortaleza. 

Durante o lançamento, ela considerou "difícil" formar uma frente com o PDT para concorrer à eleição de novembro. A ideia de uma aliança entre PT e PDT é defendida pelo governador do Ceará, Camilo Santana (PT), em entrevista exclusiva publicada, neste domingo (5), pelo Diário do Nordeste.

“É difícil formar uma frente com quem fica xingando a gente, que chama petista de babaca. Eu não quero. Não preciso disso”, disse Luizianne sobre formar uma frente com o partido dos Ferreira Gomes.

"Existe de fato muita queixa do PT nacional por conta dos ataques que o Ciro tem feito a Lula", acrescentou a deputada, em referência ao ex-ministro e presidenciável Ciro Gomes  (PDT). 

O nome dela já era apontada como o preferido dentro do Partido, com apoio da cúpula nacional. A escolha de Luizianne elimina a possibilidade de um candidatura do ex-secretário da Casa Civil de Camilo, Nelson Martins, ao Paço.

"A gente só não ganhou em 2012 porque estávamos sozinhos, o próprio Lula me disse isso. Os Ferreira Gomes, o Eunício, o Domingos Filho estavam do lado de lá (de Roberto Cláudio)", disse Luizianne sobre não ter conseguido eleger Elmano de Freitas, hoje deputado estadual, na disputa pelo comando da Capital em 2012.

Luizianne foi eleita prefeita de Fortaleza em outubro de 2004. Foi reeleita em 2008. Em 2016, se candidatou novamente, mas ficou em terceiro lugar.

A deputada enfatizou, ainda, que a partir de agora o PT irá começar a dialogar com outras siglas em busca de aliança. Segundo ela, todos aqueles que desejam fazer parte de uma frente 'antibolsonarista' na Capital são bem-vindos. 

Outros pré-candidatos

Além de Luizianne Lins, a disputa em Fortaleza tem como nomes confirmados os deputados federais Capitão Wagner (Pros), que recebeu ontem apoio do PSC,  Célio Studart (PV) e Heitor Freire (PSL).

Os deputados estaduais Heitor Férrer (SD) e Renato Roseno (PSOL)  também estão no páreo. O PDT ainda não anunciou a escolha de seu candidato.

Com o adiamento das eleições de outubro para novembro devido à pandemia do novo coronavírus, o prazo para a realização das convenções que vão sacramentar as escolhas dos diretórios está marcado para 31 de agosto a 16 de setembro.