Concurso da Sefaz-CE 2021 tem concorrência de 218,7 candidatos por vaga

Com 94 vagas, provas do certame acontecem no dia 15 de agosto

Legenda: Ao todo, são ofertadas 94 vagas para remuneração de mais de R$ 16 mil
Foto: Fabiane de Paula

Com mais de 15 mil inscritos, a concorrência geral das provas do concurso público da Secretaria da Fazenda do Ceará (Sefaz-CE) está em 218,7 candidatos por vaga de provimento imediato, de acordo com informações divulgadas pela Pasta. 

As provas acontecem no dia 15 de agosto com oferta de 94 vagas para nível superior. Os cargos têm salário inicial de R$ 16.045,30 para uma jornada de 40 horas semanais.

Conforme a Sefaz-CE, 10.874 vão disputar os postos de Auditor Fiscal, com concorrência de 215,7 candidatos por vaga. Já para Auditor Fiscal Jurídico, tem 2.216 inscritos com concorrência de 443,2 participantes por vaga.

Para o de Auditor Fiscal Contábil-Financeiro, se inscreveram 1.119 pessoas, gerando concorrência de 373. Outras 882 inscrições foram para o cargo de Auditor Fiscal de Tecnologia da Informação, com 80,2 concorrentes por vaga.

Distribuição das vagas

As 94 serão divididas em 50 para Auditor Fiscal, 20 para Auditor Fiscal Jurídico, 13 para Auditor Fiscal Contábil-Financeiro e 11 para Auditor Fiscal de Tecnologia da Informação.

Dentre essas, 69 são para provimento imediato, enquanto as outras para formação de cadastro de reserva. 

Requisitos

Entre as atividades gerais dos novos servidores estão participar da formulação da política econômica-tributária do Estado; coordenar e realizar atividades de tributação, arrecadação, fiscalização, recolhimento e controle dos tributos e demais rendas do erário; gerenciar a dívida ativa e exercer outras atribuições correlatas; entre outras.

Confira os requisitos para cada cargo:

  • Auditor fiscal da Receita estadual - diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino
    superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC)
  • Auditor fiscal contábil-financeiro - diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Ciências Contábeis, Administração ou Economia, fornecido por
    instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC)
  • Auditor fiscal jurídico - diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida
    pelo Ministério da Educação (MEC)
  • Auditor fiscal de tecnologia da informação - diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Ciências da Computação, Informática ou Processamento de
    Dados, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC)

Provas

A organização da seleção é da banca Cebraspe. O processo será realizado em três fases: prova objetiva, prova discursiva e avaliação de títulos.

A prova objetiva será composta de 60 questões de conhecimentos gerais e outras 100 questões de conhecimentos específicos.

Já a prova discursiva terá duas questões discursivas e um estudo de caso. Essas etapas são de caráter eliminatório e classificatório.

As provas objetivas terão a duração de 4 horas e 30 minutos e serão aplicadas no dia 15 de agosto, no turno da manhã; enquanto a prova discursiva acontecerá no mesmo dia, no turno da tarde. O candidato terá 4 horas para responder às questões discursivas.

Conforme o edital, as provas objetivas de conhecimentos gerais e específicos serão do tipo “certo” ou “errado”, nas quais uma marcação errada anula uma correta.  

Os testes discursivos serão compostos por duas questões com até 20 linhas cada e um estudo de caso com até 45 linhas. Serão corrigidas as provas dos candidatos classificados no quantitativo de três vezes o número de vagas.

Avaliação de títulos

O concurso ainda terá uma fase de prova de títulos para os candidatos aprovados nas fases anteriores, de caráter exclusivamente classificatório. 

Confira os títulos aceitos nessa etapa:

  • Diploma de curso de pós-graduação em nível de doutorado relacionado ao cargo. Também será aceito certificado/declaração de conclusão de curso de Doutorado, desde que acompanhado de histórico escolar;
  • Diploma de curso de pós-graduação em nível de mestrado relacionado ao cargo. Também será aceito certificado/declaração de conclusão de curso de Mestrado, desde que acompanhado de histórico escolar;
  • Certificado de curso de pós-graduação em nível de especialização, com carga horária mínima de 360h/a relacionado ao cargo. Também será aceita a declaração de conclusão de pós-graduação em nível de especialização, desde que acompanhada de histórico escolar;
  • Aprovação em concurso público na Administração Pública ou em processo seletivo, na iniciativa privada, para empregos/cargos relacionados ao cargo;
  • Exercício de atividade autônoma e(ou) profissional de nível superior na Administração Pública ou na iniciativa privada, em empregos/cargos/funções relacionados ao cargo.

 

Quero receber conteúdos exclusivos do Papo Carreira