Infectologista esclarece dúvidas sobre uso de máscara

Como manejar, higienizar e o que se recomenda sobre o uso da máscara. Confira.

Legenda: Dra. Licia Pontes: O uso rotineiro das máscaras oferece proteção adicional a várias doenças como influenza e tuberculose.
Foto: Dra Licia Pontes – Infectologista

Não é hora de relaxar no uso da máscara. Mas a utilização inadequado e alguns mitos sobre a máscara podem colocar você em risco. Dra. Lícia Pontes, infectologista da Unimed Fortaleza, esclarece as dúvidas e faz recomendações importantes.  

Como deve ser o manejo da máscara na hora de colocá-la?  

Higienize as mãos antes e depois de colocar e de tirar a máscara; mantenha nariz e queixo totalmente cobertos; evite folgas, especialmente nas laterais; se precisar ajustá-la, manuseie apenas os elásticos; não toque na parte de tecido da máscara; se possível, troque-a de 2 em 2 horas; lave a máscara com água e sabão; ao descartá-la, coloque a máscara em um saco plástico.  

Durante a pausa para refeições, como deve ser o manejo? 

Higienize as mãos com água e sabão ou álcool em gel antes e depois de colocar e retirar a máscara durante as refeições. Ao retirar a máscara, segure nas alças. Enquanto faz a refeição, guarde a máscara em um saco de plástico ou de papel. Nunca deixe a sua máscara descoberta em cima da mesa ou no seu bolso. 

O uso da máscara por longos períodos pode prejudicar a respiração? 

O uso da máscara não causa problemas respiratórios, nem hipóxia nem intoxicação pelo dióxido de carbono. 

De quanto em quanto tempo a máscara deve ser trocada? 

Máscaras cirúrgicas: estas têm uma vida útil de algumas horas. Uma vez que a máscara fique úmida e/ou suja, deve ser imediatamente descartada. 

Máscaras N95, PFF2 ou equivalentes: estando a máscara íntegra, limpa e seca, pode ser usada pelo mesmo profissional várias vezes por até 7 dias ou tempo definido pelo Serviço de Controle de Infecção Hospitalar da organização. 

Qual a melhor forma de higienizar a máscara de tecido?  

A higienização deve ser feita deixando a máscara de molho durante 20 minutos em uma solução de água com água sanitária. Em seguida, deve-se lavar a máscara em água corrente e enxaguar bem, eliminando todos os resíduos do produto de limpeza. Para finalizar a higienização, o ideal é passar com ferro quente. 

A máscara pode prevenir outras doenças? 

O uso rotineiro das máscaras oferece proteção adicional a várias doenças como influenza, outras gripes ou resfriados comuns, tuberculose (pois a pessoa portadora da doença não espalha o germe quando fala, tosse ou espirra enquanto está de máscara). Enfim, há ganhos para a sociedade como um todo com a popularização do uso de máscaras. 

Se uma pessoa usando máscara espirrar, as pessoas próximas poderão ser afetadas? 

A função da máscara é reduzir ou mesmo impedir que gotículas advindas da fala, tosse ou espirro contaminem as superfícies ou outras pessoas, diminuindo as chances de infecção. 

Para quem o uso da máscara pode ser desaconselhado? Algum perfil específico pode ficar de fora dessa regra? 

A máscara não deve ser usada por crianças abaixo de 2 anos ou por pessoas portadoras de doenças ou deficiências que impeçam o seu uso. 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza