Falha na subestação Pici afeta fornecimento de energia em bairros de Fortaleza

Em nota, segundo a Enel, a distribuidora esclarece que o fornecimento já foi completamente normalizado

Legenda: Segurança controla a entrada e saída de clientes em supermercado no Carlito Pamplona após queda de energia que afetou bairros de Fortaleza.
Foto: Arquivo pessoal


Bairros de Fortaleza tiveram queda no fornecimento de energia elétrica durante a manhã desta quarta-feira (25). Moradores relataram falta de energia,que começou por volta de 11h30, em bairros como Álvaro Weyne, Floresta, Panamericano, Parquelândia, Presidente Kennedy, Barra do Ceará, Pici, Jardim Iracema, Centro e Conjunto Ceará.

> Ceará corre risco de apagão como o do Amapá? Especialistas respondem

A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) informa que a ocorrência de hoje, dia 25/11/2020, às 11h28, que provocou o desligamento automático dos transformadores da Subestação Pici II, localizada na Região Metropolitana de Fortaleza (CE), foi causada por defeito em equipamento da Distribuidora ENEL.
 
Após o desligamento os equipamentos da Chesf foram disponibilizados para reenergização e ficaram aguardando que a ENEL isolasse o defeito e autorizasse o restabelecimento.

Já a Enel Distribuição Ceará informa que a falha do fornecimento de energia que afetou alguns bairros de Fortaleza na manhã de hoje, 25, foi ocasionada por um abalroamento em um poste de alta tensão, desligando parte da rede e da subestação Pici. A distribuidora esclarece que o fornecimento foi normalizado ainda pela manhã.

Queda de energia afeta casas e comércio

A gerente Maria Angélica Araújo Dutra da Silva, moradora do bairro Henrique Jorge, é uma das pessoas afetadas pela falta de energia. A mulher afirma que estava em casa fazendo o almoço quando a queda de energia aconteceu. "O fogo estava ligado e eu cozinhando quando tudo apagou. Fiquei cerca de 40 minutos com a minha casa no escuro", afirmou.

O artista plástico Cleyton Soares estava fazendo as compras em um supermercado no bairro Carlito Pamplona quando a queda de energia aconteceu. Segundo ele, a energia na região está oscilando e afetou o funcionamento dos estabelecimentos comerciais. "Tudo quanto é de mercantil e farmácia está com as portas fechadas. Entrei no supermercado, fiz minha compra e faltou após finalizar no caixa", disse.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza

Assuntos Relacionados


Redação 24 de Janeiro de 2021