Celebração inicia as comemorações dos 50 anos da TV Verdes Mares

Apresentação de Padre Marcelo Rossi e dos cantores Valéria Cavalcante e Renno para os colaboradores do Sistema Verdes Mares deu início à festa de jubileu da emissora fundada pelo empresário Edson Queiroz

Legenda: Padre Marcelo Rossi deixou mensagens de fé e esperança aos funcionários
Foto: FOTO: Thiago Gadelha

Inaugurada em 31 de janeiro de 1970, a TV Verdes Mares (TVM) iniciou, ontem (22), as comemorações pelos 50 anos de operação da emissora no Ceará, com celebração que teve a presença dos funcionários do Sistema Verdes Mares, e show do Padre Marcelo Rossi e dos cantores Valéria Cavalcante e Renno.

O diretor presidente do Grupo Edson Queiroz, Abelardo Gadelha Rocha Neto, agradeceu a todos que contribuem para a história e as conquistas da empresa. “É uma satisfação muito grande a gente poder chegar aos 50 anos com todo esse time trabalhando duro e fazendo a gente acontecer”, ressaltou ele, reforçando a jornada de aprendizado para os próximos 50 anos.

Em um momento de intimidade com os funcionários, Pe. Marcelo Rossi lembrou da fé do cearense e da amizade construída com a empresa. “A fé do Ceará é algo impressionante. E aqui há uma amizade. Eu tive a alegria de estar na inauguração da TV Verdes Mares em Juazeiro do Norte. Foi algo muito especial. Também tive a alegria de estar aqui nos 45 anos da TV e agora no jubileu. Hoje, em uma visita não oficial, mas de amigos, damos abertura nas comemorações, porque esse ano merece não só um momento, mas um ano inteiro de celebração”, afirmou.

Projeções
Abelardo Gadelha Rocha Neto lembrou o discurso do avô, o empresário Edson Queiroz, na fundação da TVM, quando traçou como meta levar o Ceará e o Nordeste para todo o Brasil. "A fala do nosso fundador ainda é pertinente e um norte que devemos sempre buscar: de comunicar para todos os lugares do mundo, através dos meios digitais; de informar para fomentar os negócios e também dar voz aos que precisam, elevando o senso crítico do nosso povo através de jornalismo de qualidade; e levando alegria através do humor, da cultura, do esporte e do entretenimento”, projeta.

O superintendente do Sistema Verdes Mares, Ruy do Ceará, reforça a importância de estar sempre se reinventando para manter a relevância. “Temos que pensar grande e agir rápido, já que hoje enfrentamos uma economia baseada em rupturas. Nesse cenário, temos que romper todos os dias diversos paradigmas escritos pelo passado. Pensar diferente todos os dias e espalhar nossa energia criativa em cada canto dessa empresa, sem jamais esquecer que nossas ações se concretizam na sociedade e o valor que criamos pode trazer benefícios ou prejuízos a esse contexto”.

Para o diretor de jornalismo da TV Verdes Mares, Gustavo Bortoli, a capacidade visionária de Edson Queiroz, fundador da emissora, a faz alcançar grandes resultados. “Pensar hoje em televisão com a quantidade de informações é desafiador; imaginar isso há 50 anos é muito diferente, porque você estava acreditando em um novo produto sem que as pessoas tivessem preparadas para consumi-lo. Então, ele teve um pensamento muito grandioso”. 

Em cinco décadas, a emissora conseguiu estreitar os laços com os telespectadores através dos produtos de jornalismo e entretenimento. “A gente vê o quanto a TV Verdes Mares contribui para o desenvolvimento econômico e social do Ceará, levando sempre informação, chamando atenção para os problemas e mostrando o que o cearense tem de melhor”, salienta.

Ainda na avaliação do jornalista, a “Emissora da Sereia”, como é carinhosamente conhecida, continuará exercendo a responsabilidade social de alentar a esperança e mostrar caminhos alternativos aos telespectadores. “Mais do que estar preocupado com o amanhã, é compreender que o nosso compromisso é com o hoje. A credibilidade, relevância e a utilidade continuarão existindo”, ressalta.
 


Assuntos Relacionados