Ceará vai triplicar número de testes da Covid-19 por dia em fase de testagem massiva

Ampliação dos exames para detecção da doença pandêmica inicia na próxima semana

Legenda: O Estado lançou uma consulta pública que deve se encerrar hoje para contratar a realização desses exames

Atualmente, o Ceará tem uma média diária de 1.000 exames para diagnóstico da Covid-19. A partir da próxima semana, no entanto, o número poderá chegar a 3.000 no intervalo de 24 horas, segundo anunciou o secretário estadual da Saúde, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho, o Dr. Cabeto, durante coletiva virtual de imprensa na manhã desta sexta-feira (15).

“O Estado lançou uma consulta pública que deve se encerrar hoje para que a gente contrate a realização desses exames em todo o sistema e a partir da semana que vem, comece essa testagem em massa. Temos a intenção de passar dos mil exames realizados por dia para três mil e chega perto de 100 mil exames por mês”, explica. 

Os testes em massa, estratégia recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para combater a disseminação do coronavírus Sars-CoV-2, já era uma promessa local da Sesa. Na prática, porém, a prioridade local das testagem era para profissionais de saúde e pacientes com sintomas graves da doença.

 

Público

Com a chegada dos novos exames, a oferta será ampliada para outros perfis de pacientes em Unidades de Pronto Atendimento (Upas), hospitais e dois drive-thrus, cuja localização ainda não foi definida. 

“Estamos falando de pessoas com sintomas mais leves ou mesmo de pessoas que tenham tido contato com pacientes comprovadamente diagnosticados com coronavírus”, cita.

Além de ampliar a capacidade operacional de testes na rede pública, Dr. Cabeto informou ainda que fez parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que está providenciando um dos equipamentos que deve chegar ao Ceará que faz extração por robótica do RNA e isso encurta o tempo de diagnóstico”. 


 



Redação 08 de Julho de 2020