Sequência de ataques diminui e número de capturados chega a 147

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), até a noite de ontem, 147 pessoas foram capturadas. Maior parte dos detidos por envolvimento nos ataques nega pertencer à facção criminosa GDE