Terceiro minicurso do Vem Empreender destaca relevância da gestão contábil e financeira

A formalização e a organização do empreendimento em suas diversas áreas são bases importantes para enfrentar momentos de crise, alertam professores.

Empreender no Brasil é desafiador em qualquer época. Os caminhos, entretanto, podem ser mais bem planejados quando se investe na formalização e na profissionalização da gestão contábil e da gestão financeira da empresa. É o que explicam professores do terceiro minicurso on-line Vem Empreender, promovido pelo Sistema Verdes Mares em parceria com o Escritório de Gestão Empreendedorismo e Sustentabilidade (EGES) da Universidade de Fortaleza.

Dados da pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) apontam que, em 2019 (números mais recentes do levantamento), a taxa de empreendedorismo no Brasil atingiu 38% na Taxa de Empreendedorismo Total. Isso significa que, no ano passado, cerca de 52 milhões de brasileiros tinham um negócio próprio. Os dados são obtidos pelo Instituto Brasileiro de Qualificação Profissional (IBQP) e pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Que fatores podem colaborar para garantir a longevidade desses empreendimentos? É o que se perguntam potenciais empreendedores. Fazer um controle efetivo sobre documentos e pagamentos de impostos exigidos para a abertura e a operação do negócio, pode facilitar, por exemplo, a entrada da empresa em programas governamentais de apoio ao crédito aos empreendedores. Neste ano, com as regras de isolamento social para o enfrentamento à Covid-19 e com a retomada da economia no pós-pandemia, muitos empresários precisaram recorrer a essas iniciativas.

“Nesse momento de pandemia, você tendo a sua empresa formalizada e, fazendo parte do Simples Nacional ou não, houve vários benefícios que o governo ofereceu. Através deles, foi possível contar com a suspensão temporária dos funcionários, com os quais o governo arcou com o pagamento de parte dos salários, e aderir à redução de jornada”, explica a contadora e professora da pós-graduação da Universidade de Fortaleza, Alessandra Ponte. Ela é uma das responsáveis pelo material complementar “Formalização e aspectos contábeis da abertura de negócios”, disponibilizado abaixo, junto com a também professora da Universidade de Fortaleza, Anna Beatriz Maia, doutoranda em Administração e Controladoria da UFC. O conteúdo integra o terceiro minicurso do projeto Vem Empreender, abordando assuntos fundamentais como o porte do negócio, formato jurídico e regime tributário e orienta os participantes sobre o formato ideal para a abertura e a operação do negócio. 

Confira Aula 1 do Minicurso de Finanças:

Baixe o PDF "Formalização e aspectos Contábeis da abertura de negócios. 

Alessandra Ponte comenta, por exemplo, sobre o que ocorreu recentemente no Brasil por causa da pandemia de Covid-19. O Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEm) foi criado pelo governo federal em abril e prorrogado até dezembro de 2020. Em razão da pandemia de Covid-19, a medida autoriza empresas a suspender contratos de trabalho ou a reduzir jornada e salários dos funcionários, em troca da manutenção do emprego. “As vantagens da formalização são essas. A gente paga os impostos justamente para que no momento de dificuldade a empresa possa ter os benefícios que o governo oferece”, explica a professora.

Outro aspecto relevante, destaca Alessandra Ponte, é a empresa estar enquadrada no regime tributário correto. Os regimes de tributação podem ser simplificados ou com base no lucro. “Escolher o enquadramento correto garante uma maior competitividade perante o mercado e evita prejuízos financeiros desnecessários. Além disso, uma vez escolhido o regime de tributação, não é possível trocá-lo até o próximo ano-calendário”, destaca o material disponibilizado para minicurso do projeto Vem Empreender.

Finanças

Outra abordagem com a qual todo empresário precisa estar atento é com a gestão financeira, ou seja, com a atividade de gerir entradas e saídas de recursos. O tema consta no conteúdo complementar “Finanças para empreendedores”, disponibilizado abaixo para download. O administrador de empresas e professor José Landsberg Costa destaca que o momento em que nós nos encontramos é muito complexo em diversas áreas, inclusive em relação ao ambiente de negócios no qual estamos inseridos. “Muitos de nós nunca nem pensamos em passar por isso (pandemia de Covid-19), o que envolve muitas variáveis. Justamente por termos um momento complexo é que a gestão de um negócio passa a precisar ainda mais de uma gestão financeira afinada, alinhada”, explica o professor que é um dos responsáveis pelo material do curso.

Confira Aula 2 do Minicurso de Finanças:

Baixe o PDF "Finanças para Empreendedores

José Landsberg Costa é especialista em administração financeira e MBA em gestão financeira, controladoria e auditoria e mestrando em Administração. Ele ministra a aula junto com o professor da Universidade de Fortaleza e doutor em administração de empresas, Josimar Costa, que também participa do conteúdo e dos vídeos sobre o tema finanças.

Confira Aula 3 do Minicurso de Finanças:


A gestão financeira, a busca por alocar os recursos da melhor forma tem “um papel de ainda mais protagonismo” neste ano de 2020, quando atravessamos os desafios impostos pela pandemia e a retomada do funcionamento após meses de instabilidade. “A gestão financeira assume um papel de tentar guiar as empresas e os negócios como um todo e o empreendedor para o ambiente menos turbulento possível”, ressalta José Landsberg Costa, que ministra disciplinas de Matemática Financeira e Finanças.

Confira Aula 4 do Minicurso de Finanças:

Veja mais detalhes e revise o que você aprendeu: 

Acesse o E-book Gestão Financeira.

 

Material Extra: Finanças Pessoais e Educação Financeira


 

Material Complementar: baixe os E-books da Série Educação Financeira


Ed. Financeira 1

Ed. Financeira 2

Ed. Financeira 3

Ed. Financeira 4

 

Confira o Minicurso Empreendedorismo e Plano de Negócios

Confira o Minicurso Marketing

Em caso de dúvidas, entre em contato pelo e-mail: eges@unifor.br

Escritório de Gestão Empreendedorismo e Sustentabilidade (EGES) | De segunda a sexta-feira, de 8 às 18h.

Quero receber conteúdos exclusivos do Vem Empreender