Dois detentos fogem de presídio na Região Metropolitana de Fortaleza durante o trabalho

Outra fuga de presos foi registrada no Estado nesta sexta (7), no momento da transferência de detentos uma delegacia da Capital para outro presídio

Escrito por Redação ,
José Anderson Pereira de Freitas e Dannys Ronnys Almeida dos Santos realizavam atividades laborais quando se aproveitaram para fugir CDP
Legenda: José Anderson Pereira de Freitas e Dannys Ronnys Almeida dos Santos realizavam atividades laborais quando se aproveitaram para fugir CDP
Foto: Reprodução

Dois detentos fugiram de um presídio localizado na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) enquanto trabalhavam, na tarde desta sexta-feira (7). A informação foi confirmada pela Secretaria da Administração Penitenciária do Ceará (SAP) durante a noite.

Segundo a SAP, José Anderson Pereira de Freitas e Dannys Ronnys Almeida dos Santos realizavam atividades laborais quando se aproveitaram para fugir do Centro de Detenção Provisória (CDP). Policiais penais estão em busca de localizar os dois fugitivos.

Veja também

Os dois presos eram classificados para realizar atividades laborais. A SAP afirmou, em nota, que "os internos responderão criminalmente pela ação e perderão a oportunidade dada pelo Estado de remir pena e se qualificar através do trabalho".

José Anderson, conhecido como 'Alex', responde a um processo criminal por homicídio. Enquanto Dannys Ronnys, o 'Gordo', responde a diversos processos por crimes como roubo, receptação, uso de documento falso, estelionato e organização criminosa.

Fuga durante transferência de presos

Outra fuga de presos foi registrada no Ceará nesta sexta (7). Dois detentos fugiram no momento da transferência de uma delegacia da Capital para outro presídio localizado na Região Metropolitana de Fortaleza. A informação foi confirmada pela Polícia Civil do Ceará (PCCE).

Os detentos saíam da Delegacia de Capturas e Polinter (Decap), no Centro de Fortaleza, para o Centro de Triagem e Observação Criminológica (CTOC), em Aquiraz, quando conseguiram fugir.

Apesar das identidades não serem divulgadas, a reportagem apurou que um dos fugitivos é Lucas Rosa Gonçalves de Sousa, preso nesta semana por suspeita de participar do latrocínio que vitimou um idoso de 63 anos, proprietário de uma padaria em Fortaleza.

Os destaques das últimas 24h resumidos em até 8 minutos de leitura.
Assuntos Relacionados