Unilab tem primeira diretoria eleita a ser empossada em agosto

O reitor Roque Albuquerque e a vice-reitora Cláudia Carioca foram eleitos para o quadriênio 2021-2025

Legenda: As atividades administrativas e acadêmicas da Unilab se concentram nos Estados brasileiros do Ceará e da Bahia. No Ceará, a universidade conta com unidades nos municípios de Redenção e Acarape.
Foto: arquivo

A primeira reitoria eleita da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) será empossada no próximo dia 5 de agosto, às 17h, no campus da Auroras/Unilab, em cerimônia presencial restrita, que terá transmissão por videoconferência em canais oficiais da instituição de ensino superior.

O reitor Roque Albuquerque e a vice-reitora Cláudia Carioca foram eleitos para o quadriênio 2021-2025. Após uma década de funcionamento da Unilab, a primeira eleição para a escolha dos gestores ocorreu em março passado.

Houve necessidade de revisão e publicação do Estatuto da Universidade, no Diário Oficial da União, (30 de dezembro de 2020). Em janeiro deste ano, o Conselho Universitário autorizou o começo do processo de elaboração da lista tríplice e instituindo comissão organizadora.

Houve consulta informal, a cargo da comunidade acadêmica formada por docentes, estudantes e técnico-administrativos em Educação. O reitor Roque Albuquerque obteve 64% dos votos válidos, na consulta paritária, e a vice-reitora Cláudia Carioca, 55%.

Roque Albuquerque foi o último reitor pro tempore, antes de ser eleito em consulta e ter seu nome aprovado pelo Ministério da Educação (MEC), após envio da lista tríplice.

unilab gestao
Legenda: Roque Albuquerque foi o último reitor pro tempore, antes de ser eleito em consulta e ter seu nome aprovado pelo Ministério da Educação (MEC), após envio da lista tríplice.
Foto: Foto: Divulgação/Unilab

“Queremos uma Universidade que se preocupe em garantir as demandas dos grupos preferenciais e para isso é importante ações afirmativas sem preconceitos, incluindo pessoas do grupo LGBTQIA+”.
Roque Albuquerque
Reitor da Unilab

“Precisamos reafirmar a identidade da Unilab, única e diferenciada, ligada aos grupos invisibilizados e aos grupos refugiados, das várias migrações, diásporas, cores, línguas, nações e aos povos diversos”.

A vice-reitora Cláudia Carioca pontuou sobre os princípios que guiam as ações planejadas pela atual gestão para os próximos anos.

"Firmamos todas as nossas ações para o futuro em três vetores: internacionalização, integração e interiorização, também pautadas por alguns dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS): a educação de qualidade, a igualdade de gênero e a diminuição das desigualdades”.
Cláudia Carioca
Vice-reitora da Unilab

Ela propôs fortalecer “os nossos compromissos nos próximos anos que vamos trabalhar juntos, para produzir conhecimento, ciência e cidadania”. O ministro da Educação Milton Ribeiro e autoridades da região devem participar de forma remota da solenidade de posse da reitoria.  

Unilab

A Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira TEM sede na cidade de Redenção. Após criação em julho de 2010, foi instalada em maio de 2011.

A Unilab oferece cursos do ensino superior, desenvolve pesquisas e tem por objetivo específico “formar recursos humanos para contribuir com a integração entre o Brasil e os demais países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), especialmente os países africanos, bem como promover o desenvolvimento regional e o intercâmbio cultural, científico e educacional”.

As atividades administrativas e acadêmicas da Unilab se concentram nos Estados brasileiros do Ceará e da Bahia. No Ceará, a universidade conta com unidades nos municípios de Redenção e Acarape.

Graduação

A Unilab oferece cursos presenciais de graduação em Bacharelado em Humanidades – Letras – Língua Portuguesa; Relações Internacionais; Licenciatura em Ciências Sociais; em História; Pedagogia.

Na modalidade à distância há cursos de Administração Pública (Bacharelado); pós-graduação Lato Sensu; especialização em Gestão Pública; Gestão Pública Municipal; Gestão em Saúde; Especialização em Gestão de Recursos Hídricos, Ambientais e Energéticos e em Saúde da Família.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará