Hospital referência no tratamento de pacientes de alto risco no Crato receberá mais 14 leitos de UTI

O equipamento é uma das referências na região.

Legenda: O Hospital é administrado pela Sociedade Beneficente São Camilo.
Foto: Foto: Divulgação

O Hospital e Maternidade São Francisco de Assis, no Crato, região do Cariri, recebeu um incremento de R$ 1,9 milhão para a construção de mais 14 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para adultos, destinados a pacientes em casos mais graves. A Portaria nº 2.020, que libera o repasse, está publicada no Diário Oficial da União de hoje (29). O equipamento é uma das referências na região por ser especializado no tratamento de pacientes de alto risco. 
 
O Hospital é administrado pela Sociedade Beneficente São Camilo e recebe, anualmente, o valor de R$ 2,8 milhões do Ministério da Saúde para custear serviços de média e alta complexidade. Até julho deste ano, 66.005 atendimentos ambulatoriais e 2.192 internações foram realizados na unidade. Ao todo, o hospital conta com 189 leitos, distribuídos para cirurgia geral, clínica geral, UTI adulto e neonatal, pediatria e obstetrícia - 117 destas são do Sistema Único de Saúde (SUS). 
 
Leitos de UTI 
 
Os leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) são destinados a pacientes em casos graves e, por isso, exigem maior estrutura. Entre 2010 e junho de 2019 houve um aumento de 26% no número dos leitos complementares no SUS em todo o país, incluindo os de UTI - o número passou de 24.486 para 30.937. No geral, o país possui hoje 492.570 leitos disponíveis, sendo 328.653 de uso exclusivo do SUS.

Você tem interesse em receber mais conteúdo da região do Ceará?