Acervo da Secretaria de Cultura de Iguatu é destruído por incêndio de grandes proporções

Itens utilizados durante datas como Natal, Paixão de Cristo e São João foram inteiramente consumidos pelas chamas

Incêndio em Iguatu
Legenda: Todo o material guardado no almoxarifado foi consumido pelas chamas
Foto: Wandenberg Belém

O almoxarifado da Secretaria de Cultura do município de Iguatu, na região do Centro-Sul do Ceará, foi atingido por um incêndio de grandes proporções na noite desta segunda-feira (5). O Corpo de Bombeiros e funcionários da pasta confirmaram que todo o material do acervo foi destruído pelo fogo.

O prédio consumido pelo fogo é um dos galpões da antiga estação ferroviária da cidade, inaugurado em 1910. Funcionários da Secretaria de Cultura estimam que o prejuízo seja em torno de R$ 600 mil.

O local era utilizado pela Secretaria de Cultura para guardar diversos materiais, como por exemplo itens de decoração referente a datas comemorativas, tais como iluminação do Natal de Luz, que seria utilizado nas ruas e praças do município no final deste ano.

Os bombeiros revelaram que tiveram dificuldade em controlar as chamas porque o prédio estava trancado e não havia muitas entradas. Contudo, os bombeiros derrubaram parte do telhado utilizando o jato de água do canhão esguicho acoplado no caminhão da corporação.

O Corpo de Bombeiros informou ainda que foram utilizados três caminhões na ocorrência para debelar o fogo, o que contabiliza mais de 20 mil litros de água. Os bombeiros acreditam que o incêndio foi criminoso, porque outras ocorrências da mesma natureza foram registradas nas proximidades do galpão, nos últimos dias. A Polícia Civil esteve no local.

Carlinhos Lobo, membro da Secretaria, destacou o sentimento de tristeza em razão do material consumido pelas chamas. "Hoje a Secretaria de Cultura perdeu o patrimônio dela todinho de uma forma que eu não tenho nem palavras", declarou.

Além da decoração para o Natal, mais itens referentes a outras datas comemorativas também foram destruídos. De acordo com trabalhadores da Secretaria, peças do São João e Paixão de Cristo também foram dizimados pelo fogo.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará