Profissionais da educação cadastrados reclamam que não foram agendados para vacinação contra Covid

SMS informou que quem ainda não foi chamado será agendado de acordo com a faixa etária

Aplicação de vacina contra a Covid-19
Legenda: O Ceará anunciou a introdução dos profissionais da educação em grupo prioritário da imunização contra Convid-19 em maio deste ano
Foto: Divulgação/Prefeitura de Fortaleza

Trabalhadores de diferentes níveis da educação alegam que ainda não foram chamados para a aplicação da primeira dose contra a Covid-19, mesmo tendo realizado o cadastro na plataforma Saúde Digital. A categoria é considerada grupo prioritário e faz parte da 4ª fase do Plano Nacional de Imunização (PNI). 

Em contato com a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Fortaleza, a pasta informou que todos as pessoas dos grupos prioritários que ainda não foram chamadas para serem imunizadas ou faltaram estão sendo agendadas nas listas de acordo com a faixa etária.

A professora universitária Daniele Rocha, de 32 anos, afirma que preencheu o cadastro obrigatório imediatamente após a liberação da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa). Contudo, aguarda até hoje o agendamento para receber o imunizante.

“Eu liguei no 156 e lá constava que eu era trabalhadora da saúde e profissional do ensino, sendo que eu nunca fiz qualquer colocação nesse sentido. Fui orientada a fazer a atualização no sistema, fiz, mas continuo esperando”, relata.

Outras tentativas frustradas de contato com a Prefeitura foram feitas, inclusive nos próprios locais de vacinação. Em todas elas, a docente obteve a mesma orientação de aguardar a confirmação da data.

Já fui em postos, na própria SMS, procurei falar com a coordenadora-geral de imunização, e eu não sei mais a quem recorrer para fazer valer esse meu direito. Chegou a minha vez e eu fui colocada de novo no final da fila por falha da Prefeitura, e eles não resolvem de maneira nenhuma
Daniele Rocha
Professora Universitária

Ingrid Santana Silvério, técnica de assuntos educacionais, fez cadastro na plataforma de vacinação bem no início da liberação do Saúde Digital. Mesmo sendo do grupo prioritário ainda não foi agendada nas listas divulgadas pela prefeitura de Fortaleza. 

"Me inscrevi no início do cadastramento e não fui chamada até hoje. Já tentei entrar em contato com a prefeitura no 156 e pelo 0800, eles não sabem informar se haverá repescagem e a gente fica perdido". 

Instabilidade na plataforma de cadastro

A plataforma Saúde Digital está apresentando instabilidade nesta quarta-feira (9). Usuários relataram estar enfrentando dificuldades ao acessar ou ao navegar na plataforma. O endereço eletrônico é utilizado pelos cearenses para a realização do cadastro para receber a vacina contra a Covid-19.  

Os problemas informados pelos internautas incluem desde impedimento para efetuar o login até mesmo indisponibilidade da página, que exibe uma mensagem de “não é possível acessar esse site” aos usuários que tentam abrir o site no navegador.  

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza