Porteiro é homenageado após impedir incêndio em condomínio de Fortaleza

O principal prejuízo foi a destruição da cozinha. Felizmente, ninguém ficou ferido

incendio
Legenda: O incêndio foi desencadeado após os donos do local terem esquecido uma mamadeira no fogão.
Foto: Daniel Soler

O porteiro Marcos Araújo foi homenageado pelos moradores do condomínio onde trabalha pelo ato de bravura ao apagou as chamas de um incêndio no Condomínio Residencial Jaime França, no bairro Luciano Cavalcante, em Fortaleza. O acidente ocorreu na última quinta-feira (29), por volta das 20h.

“Não deu tempo de ter medo”, ele explica, quando reflete sobre a situação. O porteiro percebeu o incêndio enquanto entregava uma encomenda de outro morador. Rapidamente, ele foi em direção ao apartamento incendiado. 

Marcos percebeu uma fumaça preta que vinha de um apartamento do segundo andar e foi até o local para verificar a situação. O fogo foi desencadeado após os donos do local terem esquecido uma mamadeira no fogão.

Mesmo chamando, ninguém respondia. Nesse momento, ele compreendeu que o local estava vazio. Antes de arrombar a porta, solicitou permissão para outros moradores que acompanhavam a situação pelas varandas. 

Entrei no apartamento, já estava com bastante fumaça, não dava para ver nada devido à fumaça escura. A cozinha já estava tomada por fogo. A partir desse momento eu peguei o extintor e comecei a apagar o fogo, depois de um tempo outros moradores vieram e me ajudaram"
Marcos Araujo
Porteiro do condomínio

Marcos já tinham formação de combate a incêndios, e foi graças a isso que conseguiu sabiamente conter o incêndio.

Homenagem

No dia 1º de maio os moradores do condomínio prestaram uma homenagem ao porteiro, onde todos se reuniram no estacionamento do prédio e agradeceram a Marcos pela iniciativa. Embora ele seja grato pela gentileza, humildemente ele transfere para Deus o sucesso de sua ação.

“Fiquei muito surpreso, foi legal, mas sabemos que ali foi Deus, foi ele quem honrou e cuidou de cada morador, para que esse fogo não se alastrasse e se tornasse algo bem pior”, conclui.

marcos
Legenda: Marcos Araújo, o porteiro herói
Foto: Arquivo pessoal

Prejuízo

Segundo o síndico do condomínio, Daniel Soler, o prejuízo que os donos do apartamento tiveram foi com toda a cozinha. Móveis, gesso, luminárias e cerâmicas foram danificadas. “Mas graças a Deus, pela atitude do porteiro, pela rapidez, pela proatividade e bravura, ele conseguiu que esse incêndio não tomasse proporções maiores. Se tivesse passado mais alguns minutos, teria piorado consideravelmente”, explica. 

Legenda: Fotos da situação do apartamento após incêndio
Foto: Daniel Soler
Legenda: Fotos da situação do apartamento após incêndio
Foto: Daniel Soler

O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas levou cerca de 15 minutos para chegar até o local. Daniel pontua que se tivessem esperado por eles, “talvez o apartamento já tivesse comprometido e outros espaços do condomínio também”, relata.

Daniel também enfatiza que o condomínio estava com todas as questões de segurança do prédio em dia, mas que devido ao acontecido, o curso prático de brigadista será dado novamente para os cinco funcionários do condomínio.
 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza