Enel reduz equipes de atendimento e Cagece funciona normalmente após ataques

Companhias de energia e água do Ceará tiveram veículos e sedes queimados em meio a cenário caótico na Capital e no Interior

Escrito por Redação,

Metro

Dentre os diversos serviços básicos afetados pela onda de ataques criminosos em Fortaleza, Região Metropolitana (RMF) e Interior, os de água e energia também sofreram modificações. Nesta segunda-feira (7), a Enel informou que as equipes de campo têm atuado emergencialmente. Já a Cagece garante normalidade total no atendimento.

A Companhia de Água e Esgoto do Estado teve um carro e um caminhão incendiados na Capital, além de um núcleo queimado em Caucaia, na RMF. Por meio de assessoria de comunicação, a Cagece afirmou que todas as lojas realizam atendimento normalmente, e que nenhum serviço está suspenso. No fim de semana, apenas duas unidades ficaram sem funcionar, “porque já atuam em regime especial e, nesse caso, os funcionários não conseguiriam chegar devido à falta de ônibus”. 

Para reclamações ou solicitações de retirada de vazamentos, desobstrução da rede de esgoto, ocorrências de desabastecimento, verificação de consumo, entre outros, a população pode entrar em contato pela Central de Atendimento (0800.275.0195), redes sociais ou aplicativo da Cagece.

Energia 

Já a Enel Distribuição informou, em nota, que “as lojas de atendimento estão funcionando normalmente, nesta segunda-feira (7)”, mas que “por medida de segurança, mantém reduzido o número de equipes de campo, retomando gradualmente os serviços e dando prioridade aos atendimentos emergenciais”. Nove veículos que prestam serviço para a companhia foram incendiados durante a onda de violência no Estado. 

Os clientes da distribuidora podem entrar em contato pelo aplicativo Enel Ceará, disponível para iOS e Android; pelo site da companhia (www.enel.com.br); pelas redes sociais ou ainda pela Central de Atendimento (0800 285 0196).