Chuva repentina alaga rapidamente vias de grande circulação em Fortaleza; veja vídeo

Previsão do Inmet para Fortaleza é tempo nublado a parcialmente nublado com pancadas de chuva. A mínima na capital é de 25ºC e máxima 31ºC

Legenda: Avenida Abolição no bairro Meireles alagada
Foto: José Leomar

A forte e repentina chuva que caiu na manhã desta quarta-feira (5) em Fortaleza rapidamente provocou vários alagamentos na cidade. Algumas das principais vias da Capital foram afetadas. A água também invadiu residências. No cruzamento da Avenida Santos Dumont com a Rua Doutor José Lourenço, na Aldeota, a água cobriu parcialmente a roda dos carros que passavam pelo local. Os motoristas precisaram trafegar devagar para evitar acidentes. Já na Avenida Abolição, no Meireles, a água invadiu a via e os condutores precisaram a usar apenas uma das faixas, deixando o trânsito lento.

Transtonos foram registrados por toda a cidade. Na Rua Miguel Calmon, no Vicente Pinzon, a via ficou cheia de água, o que impossibilitou os moradores de saírem de suas casas. Ruas no Barroso também ficaram alagadas. A água subiu num repente e invadiu algumas residências.

Outros pontos de alagamentos foram registrados, como nos cruzamentos entre a Avenida Duque de Caxias e a Rua General Sampaio, e das ruas Barão do Rio Branco com Pedro Pereira, no Centro da Capital. No terminal de ônibus do Antônio Bezerra, um boeiro estourou e a água invadiu uma das plataformas onde os passageiros esperavam os ônibus. Na Rua Geraldo Barbosa, no Siqueira, moradores colocaram sofás para indicar o alagamento da rua e impedir que motoristas fiquem pelo caminho. 

Previsão

Em Fortaleza, o maior volume registrado entre as 7h da terça-feira (4) e a manhã desta quarta, segundo balanço da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), ocorreu no Posto Pluviométrico do Castelão com 46 milímetros. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão para Fortaleza nesta quarta-feira é de tempo nublado a parcialmente nublado com pancadas de chuva. A mínima na capital é de 25ºC e máxima 31ºC.

Transtornos no Cariri

Choveu em pelo menos 163 das 184 cidades do Ceará segundo a Funceme. Os maiores transtornos foram registrados em Juazeiro do Norte, no Cariri, onde o único acesso ao município de Crato ficou bloqueado e ruas ficaram alagadas.

Ainda em Juazeiro do Norte, no bairro São José, um carro foi abandonado em um alagamento em uma rua. Um ônibus ficou preso em frente a sede do Detran. O único acesso entre Juazeiro do Norte a Crato ficou bloqueado, e ruas ficaram alagadas.

A chuva também prejudicou o acesso de ciclistas na ciclovia da Rua Leon Sampaio. Moradores do Crato e Barbalha relataram que chove desde a madrugada desta quarta-feira e que várias residências foram invadidas pela as águas das chuvas.  Cedro, na Região Centro-Sul, teve a maior precipitação do estado no período, com 110 milímetros, segundo boletim divulgado às 8h. Os dados serão atualizados no decorrer do dia.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza