Ação do Dia Mundial da Limpeza recolhe "lixo marinho" nos espigões do Náutico e João Cordeiro

Movimentação aconteceu com mergulhadores na manhã deste sábado (19)

Legenda: No espigão do Náutico, a movimentação para a limpeza começou por volta das 6h do sábado (19)
Foto: Fabiane de Paula

Em ação realizada no Dia Mundial da Limpeza, os espigões do Náutico e da João Cordeiro, em Fortaleza, passaram por uma limpeza subaquática no início da manhã deste sábado (19). O movimento, que começou na Estônia em 2008 e chega, este ano, à 13a edição, teve a participação em solo fortalezense marcada pela participação das equipes de mergulhadores voluntários das operadoras Doc Dive, Atlântida Mergulho, Rambo Dive e do Corpo de Bombeiros de Fortaleza.

A intenção, de acordo com os organizadores, foi concentrar o mínimo de participantes para evitar aglomerações e, além disso, a força-tarefa teve como objetivo coletar o máximo possível de "lixo marinho", conscientizando a população sobre o descarte correto dos resíduos e a importância constante do consumo consciente.

Legenda: Segundo os organizadores, a intenção foi reunir os voluntários, mas sem realizar nenhum tipo de aglomeração
Foto: Fabiane de Paula

Dia Mundial da Limpeza

Este ano, por conta da pandemia do novo coronavírus, a mobilização para a limpeza teve o slogan “Eu cuido do meu quadrado” para incentivar as ações realizadas dentro de casa, além das limpezas digitais e mentais. A organização foi feita em parceria entre Instituto Limpa Brasil – Let’s do It!  e Teoria Verde.

Legenda: Mergulhadores e voluntários participaram da ação
Foto: Fabiane de Paula

“Podemos considerar o formato do Dia Mundial da Limpeza deste ano como uma oportunidade única, uma vez que as pessoas estão mais dentro das suas casas e sendo a todo tempo lembradas sobre a importância de higienizar todas as embalagens dos produtos que adquirem”, conta Edilainne Fernandes Pereira, Coordenadora Nacional do Instituto Limpa Brasil e coordenadora de mobilização nacional do Dia Mundial da Limpeza.

Em 2019, 1200 cidades e mais de 320 mil voluntários participaram em todo o Brasil. Agora, para continuar com o movimento, os interessados em participar podem se inscrever no site e receber descontos ao integrar a mobilização.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza

Assuntos Relacionados