Aberta neste mês nova temporada do projeto "Férias na Unifor"

Entre os dias 28 de junho e 28 de julho, o público poderá conferir peças teatrais, inclusive voltadas ao público infantil, exposições de arte, além de aproveitar a área verde do Campus, aberto para piqueniques e esportes

Legenda: Além de apresentação de peças e exposição, o Campus abre as portas para piquenique e prática de esporte
Foto: FOTO: ARES SOARES

As férias estão chegando e para muitos este período significa lazer e descanso. Pensando no bem-estar de todos, a Universidade de Fortaleza (Unifor) apresenta a programação do projeto "Férias na Unifor", de 28 de junho a 28 de julho, e convida a curtir desde peças teatrais e exposições até um sossegado piquenique pela área verde do Campus.

Sob a realização da Vice-Reitoria de Extensão da Unifor, por meio da Divisão de Arte, Cultura e Eventos, ainda no fim do mês de junho, o Teatro Celina Queiroz recebe o espetáculo "O Escândalo Philippe Dussaert", com o ator Marcos Caruso. A peça investiga com fino humor os limites da arte contemporânea e as polêmicas sobre o assunto, através da história de um escândalo do pintor francês Philippe Dussaert. Será em 28 e 29 de junho, sexta às 21h e sábado com duas sessões: 19h e 21h.

Também no Teatro Celina Queiroz, o Grupo Mirante de Teatro Unifor comemora seu 35º aniversário com uma mostra repertório, apresentando as seguintes peças: "O Pequeno Príncipe", dias 6 e 7 de julho; "Pequena Sereia", dias 13 e 14 de julho; "A Cigarra e a Formiga", dias 20 e 21 de julho; "As aventuras de Dom Quixote", dias 27 e 28 de julho, sempre às 17h.

Um encontro de belas vozes, acordes afinados e muito aprendizado é o que você encontra no Festival Eleazar de Carvalho, no Campus da Unifor. O evento de música clássica já faz parte do calendário nacional e acontece com a realização de oficinas e cursos, além da apresentação de orquestras, conjuntos de câmara, óperas, recitais, corais e bandas. A direção artística do festival fica a cargo de Sônia Muniz Carvalho, viúva do maestro Eleazar de Carvalho.

O Concurso Jovens Solistas e Regentes é um destaque à parte que oferece aos vencedores a oportunidade de atuar como solistas e regentes na edição seguinte do Festival Eleazar de Carvalho. Os concertos ocorrem de segunda a sexta, de 30 de junho a 21 de julho, sempre às 19h, no Teatro Celina Queiroz. Já a solenidade de abertura e o concerto especial de encerramento acontecem em dois domingos, 30 de junho e 21 de julho, respectivamente, às 19h, no Teatro Celina Queiroz.

Em comemoração aos 45 anos da Unifor, a Fundação Edson Queiroz realiza a exposição "Da Terra Brasilis à Aldeia Global", reunindo 277 obras dos principais artistas brasileiros e de estrangeiros que retrataram o Brasil, abrangendo arco temporal que se estende do século XVI ao século XXI, iniciando com o livro America Tertia Pars, publicado na Europa em 1592, e finalizando com obras contemporâneas. A exposição, com curadoria de Denise Mattar, reúne parte do acervo da Fundação Edson Queiroz e acontece até julho de 2019, no Espaço Cultural Unifor.

De 21 de março a 11 de agosto de 2019, a Fundação Edson Queiroz apresenta exposição com 77 obras no Espaço Cultural Unifor. A exposição "Arte Moderna na Coleção Fundação Edson Queiroz" reúne algumas das mais expressivas obras de arte moderna criadas por artistas brasileiros ou radicados no Brasil das décadas de 1920 a 1960. Com curadoria de Regina Teixeira de Barros, a exposição esteve em itinerância pelo Brasil e Europa desde 2015.

Histórias

Projeto de contação de histórias com o Grupo Mirante de Teatro Unifor. As apresentações acontecem aos sábados, a partir das 16h. A entrada é gratuita, no Espaço Cultural Unifor. Já a biblioteca tem como destaques ainda as publicações do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro de 1840 a 1964, assim como o Arquivo da História do Ceará organizado por Thomaz Pompeu Gomes de Matos e o acervo de Francisco Pati, escritor, advogado e conselheiro da Bienal Internacional de São Paulo. Abriga ainda a Coleção Os Sertões - contendo a primeira edição - doada pelo bibliófilo cearense Pádua Lopes e a rica Coleção Brasiliana, um grupo de livros raros sobre o Brasil que datam desde o século XVI.

Uma excelente opção de lazer é o Campus da Unifor, que está aberto ao público. O visitante poderá desfrutar na companhia da família e de amigos, aos sábados e domingos, das 8h às 17h. Há espaços para piqueniques, passeios de bicicleta, prática de esportes, como vôlei, basquete e futebol, e tudo isso em meio a uma belíssima área verde.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza

Assuntos Relacionados


Redação 16 de Outubro de 2020