Polícia Civil incinera mais de 1,2 tonelada de drogas apreendidas desde 2016 no Ceará

Maconha, crack, cocaína e comprimidos de psicotrópicos estão entre os entorpecentes queimados nos fornos de uma cerâmica em Aquiraz, na manhã desta quinta (30)

Legenda: O material ilícito foi dividido em caixas e transportado para incineração em Aquiraz
Foto: Halisson Ferreira

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) incinerou, na manhã desta quinta-feira (30), 1,224 tonelada de drogas que foram apreendidas em todo o Estado, entre os anos de 2016 e 2020. A queima do material ilícito foi realizada em uma cerâmica, situada no município de Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Ao todo, foram incinerados 988 kg de maconha, 330 kg de skunk e haxixe, 29 kg de crack, 124 kg de cocaína, 2.700 comprimidos de psicotrópicos e quase 1.000 micropontos de LSD.

A ação conduzida pela Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) foi acompanhada por representantes da Polícia Civil, da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

 

Você tem interesse em receber mais conteúdo de segurança?

Assuntos Relacionados