Dupla mata ex-presidiário a tiros em frente à residência onde a vítima morava, no Autran Nunes

Corpo de José Edilson Soares Lima, de 44 anos, ficou caído em frente a residência onde ele morava com a mãe idosa

Legenda: Polícia suspeita que morte de ex-presidiário tenha sido causada por acerto de contas. DHPP vai investigar o caso.
Foto: Foto: Rafaela Duarte

Dois homens mataram a tiros um ex-presidiário  na rua Hipólito Pamplona, no bairro Autran Nunes, na noite desta quinta-feira (9). O homem ficou caído em frente a residência onde morava com a mãe idosa.                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                         
Segundo o subtenente Mauro, do 18º Batalhão da Polícia Militar, José Edilson Soares Lima, de 44 anos, estava caminhando pela rua quando foi atingido pelos disparos. Os criminosos fugiram em seguida. 

Uma das suspeitas da polícia é que o crime tenha sido motivado por um acerto de contas. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) ficará responsável pelas investigações sobre o caso.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança