Sessão híbrida e acesso restrito: veja como será a retomada dos trabalhos na Assembleia e na Câmara

Assembleia Legislativa do Ceará empossará nova Mesa Diretora, e Câmara Municipal de Fortaleza dará início a sessões ordinárias na segunda-feira (1º)

Plenário da Assembleia Legislativa
Legenda: Na Assembleia Legislativa, apenas os deputados poderão adentrar o Plenário 13 de Maio na próxima segunda (1º)
Foto: Fabiane de Paula

As duas sedes do Poder Legislativo na Capital retomam suas rotinas a partir da próxima segunda-feira (1º). Na Assembleia Legislativa do Ceará, uma sessão híbrida dará posse à nova Mesa Diretora, eleita em dezembro, para em seguida ser iniciada sessão com participação virtual do governador Camilo Santana (PT). Já a Câmara Municipal de Fortaleza fará a primeira sessão ordinária da atual legislatura. As casas adotarão limitações no acesso como medida de segurança contra a Covid-19. Na Assembleia, por exemplo, apenas deputados estaduais poderão estar no Plenário 13 de Maio.

A sessão no Legislativo estadual será aberta pelo presidente em exercício, deputado Fernando Santana (PT), que conduzirá os trabalhos para empossar a nova Mesa Diretora, da qual será 1º vice-presidente. A Mesa conta com Evandro Leitão (PDT) na presidência, Danniel Oliveira (MDB) como 2º vice, Antônio Granja (PDT) como 1º secretário, Audic Mota (PSB) como 2º secretário, Érika Amorim (PSD) como 3ª secretária e Apóstolo Luiz Henrique (PP) como 4º secretário.  

Em seguida, será instalada sessão com participação virtual de Camilo Santana, que fará leitura da mensagem governamental. A solenidade será transmitida ao vivo pelos veículos de comunicação e redes sociais da Casa.

"A sessão híbrida proporcionará que evitemos aglomerações desnecessárias. O momento é de discernimento e acatamento às diretrizes apontadas pelas autoridades de saúde. Neste sentido, também estabelecemos, junto com o deputado Evandro Leitão, que o acesso ao Plenário seja exclusivo dos parlamentares. Nem mesmo os assessores terão acesso ao recinto", disse o deputado Fernando Santana.

Já o presidente eleito, Evandro Leitão, destacou: “O Poder Legislativo continuará empenhado na luta contra o coronavírus para preservar vidas”. 

Câmara Municipal de Fortaleza 

Na sede do Legislativo da Capital, a expectativa é para a primeira sessão ordinária da atual legislatura, já que, no primeiro dia do ano, os vereadores se reuniram apenas para tomar posse e empossar prefeito e vice, além da nova Mesa Diretora.

Nesta quinta-feira (28), os integrantes da Mesa se reuniram virtualmente para definir os protocolos sanitários para o retorno das atividades, que também deve acontecer com limitações no acesso ao Plenário. Na sexta (29), às 10h, todos os 43 vereadores devem participar de nova reunião, também virtual, para ficarem a par do plano elaborado pelo comando da Casa. 

Mesa Diretora e lideranças 

No próximo biênio, a Mesa Diretora da Câmara Municipal de Fortaleza segue sob o comando do vereador Antônio Henrique (PDT), e tem ainda Adail Júnior (PDT) como 1º vice; Ana Paula (PDT) como 2ª vice, Eudes Bringel (PSB) como 3º vice; Julierme Sena (PROS), Guilherme Sampaio (PT) e Kátia Rodrigues (Cidadania) como secretários. 

Quase todos os partidos também já definiram suas lideranças. Júlio Brizzi (PDT), Sargento Reginauro (Pros), Professor Enilson (Cidadania), Leo Couto (PSB), Wellington Sabóia (PMB), Ana Aracapé (PL), Priscila Costa (PSC), PPCell (PSD), Adriana Nossa Cara (PSol), Emanuel Acrízio (PP) e Ronaldo Martins (Republicanos) serão líderes de suas bancadas, além de Cláudia Gomes (DEM), Marcelo Lemos (PSL), Jorge Pinheiro (PSDB), Danilo Lopes (Podemos) e Estrela Barros (Rede), que são os únicos representantes de suas siglas.

O PT definirá em reunião se a vereadora Larissa Gaspar segue como líder do partido. Gardel Rolim (PDT) será o líder do Governo e Márcio Martins (Pros), da oposição. 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre política